Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Sapatenis em 23 de agosto de 2011 às 23:24:36»
Brasileiros tem Preconceito com si mesmo porque quase maioria da população brasileira é nordestina e muitos tem preconceito com eles, preconceito é modinha de adolescente
Tiago M. em 19 de abril de 2010 às 13:31:44»
Rapaiz... O Brasil é o muito racista do mundo, muito machista e o mais homofóbico do mundo (feste último é fato). Não precisava fazer pesquisa pra confirmar isto!

Achei a matéria meia-boca, vi o programa ao vivo, só serve pra preencher horário. Se eles querem que estas questões sejam discutidas deveriam falar delas mais a fundo e com mais frequencia! Parecia cota de matéria social na TV aberta!
avatar
MoonRa em 18 de abril de 2010 às 19:51:09»
axei super nada a ver...
a questão da mulher na massagem era óbvia....

e quanto aos seguranças, de fato, o negro era o que mais demorava a sair, em todos os casos...
avatar
Firelow em 17 de abril de 2010 às 21:31:05»
Eu tinha certeza que todos amavam a loira, não ligariam para o negro e ririam da cara do gay rolleyes

Não tenho preconceito com nenhum desses x.x
Lucas Brito em 17 de abril de 2010 às 19:50:40»
sem duvida um dos melhores videos já postados aqui. Vlw admin!! o preconceito tá em todo lugar...
Natália em 17 de abril de 2010 às 15:21:01»
Isso do Legendários foi meio sugesitvo.

Qualquer um que o segurança pegasse na loja diriam que era por preconceito.

Sem contar que , na maioria da vezes, o negro demorava mais ao sair da loja, era óbvio , que o segurança chamaria ele , porque o gay e a loira já estavam longe.

Agora fizeram um mega barraco no prgrama como se o segurança realmente fosse preconceituoso.O preconceito existe, ninguém nega, mas esse quadro foi armado pra mostrar o resultado que eles queriam.

Deveriam ter feito algo mais imparcial , como por exemplo: pegar três atores homens : um branco , um negro e um gay. Armar uma entrevista de emprego chamar um desconhecido e dizer pra ele escolher um dos três homens para formar par, para realizar uma daquelas dinâmicas de entrevista de emprego.
avatar
PessoaToa em 17 de abril de 2010 às 14:35:41»
Dufrayer »
brancos tambem sofrem de preconceito.
é só ver os brancos que vao p/ africa.
e vc axa q qnd os europeus xegaram aki eles nao foram discriminados pelos indios e nem os discriminaram?
carol campregher em 17 de abril de 2010 às 14:12:40»
Como falou o Felipe B, o preconceito foi por ele ser homem e hétero, e não negro. Tinha variante demais nesse bloco, se o gay e a mulher fossem negros também, não teria mudado o resultado. Ou os três brancos...

Tem a ver também com a imagem que agente tem de cada profissão, estética mulheres e gays são maioria, se fosse pra escolher, uma profissão onde tem mais homens escolheriam ele. Na loja, abordar mulher, ainda mais toda arrumada ou gay é cilada pra conseguir um barraco, processo ou falarem que é assédio.

A idéia do programa foi boa, mas foi rasa superficial manipuladora e mal executada! razz
George Fox em 17 de abril de 2010 às 13:04:43»
As pessoas negras são discriminadas com certeza, tenho um amigo meu que disse que coisas simples de como receber papeis de propanga que são distribuidos em semafaros, ele não recebe quando para o carro.
Só sente a discriminação que é que está na pele.
avatar
FireFox em 17 de abril de 2010 às 12:47:17»
Racho com os altos barracos
|
|
|
\/ lol
avatar
Tyr em 17 de abril de 2010 às 11:56:04»
É, revi o filme e de fato tem isso mesmo!
Um dava mais lado pra ser abordado!
No caso, o obvio! O negro mesmo!
Isso pesa!

Não precisa pensar! Só tem que ver!

Podem assistir que agora ficou facil de identificar.
Felipe B em 17 de abril de 2010 às 11:41:09»
Tinham que fazer a pesquisa com pessoas do mesmo sexo, a certeza seria bem maior. O preconceito ali não pode ser classificado: é bem mais provável que o preconceito tenha sido com homens de um modo geral.
No quadro da loja o segurança semrpre ia no que estava mais perto. Apesar das estatísticas serem realmente tristes, o programa só se importa com a audiência. Eles nunca colocariam no ar se empatasse a loura com o negro.
avatar
Dufrayer em 17 de abril de 2010 às 11:04:05»
Ninguém escolhe nascer negro!!!! porque o preconceito maior é sempre com eles???
avatar
Thais em 17 de abril de 2010 às 10:43:16»
Na massagem, eu tambem escolheria a loira. Não é por nada não, mas eu não imagino um homem que eu nem conheço massageando as minhas costas... A da loja, se eu fosse o segurança, eu olharia a cara do povo que saiu.
Mas é uma vergonha mesmo... fool rolleyes
avatar
Alex C Pereira em 17 de abril de 2010 às 10:26:42»
Brasil, é um país onde reina o preconceito, isso é FATO. Eu prefiro nem comentar mais, pra não dizer "a verdade"...
avatar
Angelik em 17 de abril de 2010 às 09:59:17»
George...

Isso é porque loiras de olhos azuis só abordam homens ricos para assaltar, err... digo ganhar... presentes bem caros. twisted twisted twisted

Agora, falando serio...

Por causa da discriminação preconceituosa, é muito mais difícil para um negro conseguir um emprego....alem disso....

TEM MUITO MAIS negros que loiras de olhos azuis no BRASIL, portando, há mais bandidos negros que loiras nas ruas... wink
George Fox em 17 de abril de 2010 às 09:32:13»
Eu já fui assaltado, mas nunca fui assaltado por uma loira de olhos azuis...kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
avatar
Angelik em 17 de abril de 2010 às 08:44:39»
Luna baby... tem muita gente que não entende um texto sarcástico ou ironico... e para essas pessoas nem adianta tentar explicar.

Adoro seus textos, apesar de serem looongos, rendem boas risadas.

Beijos. clap clap clap
avatar
Angelik em 17 de abril de 2010 às 08:26:26»
Sinceramente, qualquer pessoa que presta atenção ao que acontece ao redor percebe o preconceito contra negros, principalmente nas lojas.

O programa pode até ter sido editado, mas retrata fielmente a realidade.

Sempre que entra um negro ou pardo em uma loja de shopping, os seguranças ficam em alerta... de olho...

Isso já está enraizado na sociedade.

O negro é associado a pobre e ladrão nos filmes, novelas, músicas e tudo que nos cerca...

Crescemos assistindo programas com apresentadoras loiras ou homens brancos. Até as assistentes tinham que ser loiras (paquitas)...

Tem pouquissimo tempo que uma negra conseguiu o papel de protagionista em uma novela ("cultura" consumida por quase todos os brasileiros) onde os negros sempre fizeram e ainda fazem papel de faxineiros, empregadas, pobres ou bandidos.

Isso acaba fixado no subconsciente e as pessoas reagem inconsciente e automaticamente.

Precisamos assumir (reconhecer) que isso acontece e começar a nos "policiar" para mudar "nossa" atitude preconceituosa. neutral
ƒorelly em 17 de abril de 2010 às 02:16:24»
Reparem que o negro era o que mais andava devagar,assim os outros dois saiam de perto da loja antes dele,induzindo os seguranças a primeiro aborda-lo,como foi o caso quando a loira foi abordada quando andou para perto do outro,porem se ele encostasse um dedo nela,seria lei maria da penha na hora.

A situação piorou quando o "sr.marron" foi conduzido devolta para a loja acionando o alarme uma segunda vez.A primeira parte estava boa,porem o teste das lojas foi tendencioso,me levando a questionar se a primeira parte não fora editada.
avatar
Tyr em 16 de abril de 2010 às 23:34:56»
Faço minhas as palavras do Admin.

E tem mais uma coisa!

Tambem não sou pro seu bico. Haja visto que tambem sou
afro descendente e com sobras.

E tenho outra em meu coração!

E ai Luna?
avatar
Admin em 16 de abril de 2010 às 23:22:58»
Dona Olímpia, eu quase cheguei a pensar que a senhora tinha razão, Ohhh!!! Mas depois de ler novamente o texto, muito bem escrito por sinal, não pude deixar de notar como a senhora é, além de amargurada, preconceituosa. Sim, porque em nenhum parágrafo do texto se lê negro... preto... tição... algo assim. Somente fala de "cabelo ninho de gavião" e pobreza, que a senhora rapidamente associou com uma moça negra e ignorante.

O texto é somente uma crítica social, muito bem humorada, que fala de uma das mazelas que as classes sociais menos favorecidas de nosso país enfrentam para ganhar migalhas.
avatar
Tyr em 16 de abril de 2010 às 23:02:49»
Ai !
To apaixonado!

Isso Luna! Pisa que eu gostcho!

Olimpia:

Do dicionario Aurélio On-Line:

Coerente
adj. Diz-se das partes de um todo que se harmonizam entre si: moléculas coerentes. / Diz-se daquilo em que há conexão; concordante: raciocínio coerente.

O que bem pode se ver, não é seu caso.
avatar
Luna em 16 de abril de 2010 às 22:21:55»
olimpia », vc acha que o texto foi escrito como uma piada maldosa? Tenha a santa paciência, minha filha. Quem é que está ganhando dinheiro explorando a pobreza dos outros? Quando escrevi o texto foi mais uma crítica ao programa, foi para que as pessoas pensassem de todas as formas e vissem todos os lados da moeda: a exploração, o preconceito, a miséria, a desigualdade, e até mesmo as piadinhas preconceituosas tão comuns na vida do brasileiro. Eu sou parda, tenho cabelo de de ninho de gavião. Adoro meus cabelos cacheados e não troco por um liso. Não me sinto inferior a ninguém por causa da minha cor, não me faço de vitima nem de coitadinha.
Se vc não teve capacidade pra sacar a idéia do texto, problema seu.
_____
Ah, quando eu disse cabelo de ninho de gavião, referia-me a cabelos rebeldes, cabelos cacheados, crespos, que embaraçam facilmente, ou até mesmo cabelo mal tratado. Foi vc quem associou isso a cor de pele, sendo que qualquer um pode tê-lo.
olimpia em 16 de abril de 2010 às 21:45:20»
Vou explicar bem direitinho: faz poucos dias o mdig publicou um texto pra lá de preconceituoso ( o texto citado entre aspas) e agora publica uma matéria dizendo-se escandalizado com o racismo. na tv não pode. aqui pode desde que seja engraçado. entendeu agora? ah, veja no dicionário o significado de coerente.
avatar
Tyr em 16 de abril de 2010 às 21:39:35»
Olimpia:

Da pra pelo menos ser coerente?

Voce rodou, rodou, rodou e não disse ( escreveu ) nada
que fizesse sentido!
olimpia em 16 de abril de 2010 às 21:34:56»
Peraí, não foi o mdig que publicou um texto falando de uma moça negra ( cabelo ninho de gavião) ignorante (não sabia escrever), pobre, moradora de favela? quote "Que tal um banho de loja, uma espichada nesse cabelo rebelde e um excelente emprego em uma banca de revistas? "A história de Evilsleny da Silva e Silva, uma jovem de 16 anos moradora de um bairro pobre no subúrbio de São Paulo. A cartinha de Evilsleny comoveu a produção de Netinho pela sua história dramática e simples.

oi netinho eu te acompanho dez do domingo da jente.netinho por favo leia a minha carta mim escolhe.o que é impossível pra mim não é pra Deus.simpresmete te adoluu muito sou sua fã adimiro muito o que vc faz pelas pessoas ate qui fim achei o endereço para escrever.
Depois da choradeira, Netinho lê a carta, vem mais choradeira, em seguida, ele dá uma geral no barraco, descobre centenas de baratas morando na gaveta do armário e depois diz "Chega de lágrima gente!" Cada vez que ela experimenta uma roupa ou sapato, a princesa desfila para as câmeras mostrando o modelito, se sentindo uma Gisele Bucho.
Mas não antes de darem uma passadinha no Vovo Bina Fashion Hair para cuidar daquele ninho de gavião, o cabelo da moça. er um Orkut onde coloquei todas as minhas fotos tiradas durante o programa e tenho a Colheita feliz. Adicionei 300 amigos que eu nem sei quem são, mas devem ser gente boa, pois no perfil esta escrito 'amo meus animais de estimação'

Pobre, preto, sujo, ignorante, burro.
Pois é, aqui não tem preconceito: tem humor. Muita gente achou graça no texto. eu não. E agora este post.Sejam coerentes. Antes que digam: se não gosta pq vem aqui? Resposta: não venho mais. Um blog que permite a publicação de um "texto humoristico" com aquele conteúdo não merece vista
avatar
Tyr em 16 de abril de 2010 às 21:24:55»
Tá bom!

Mas diz ai:
E no caso do shopping?
avatar
Brasileiro Sertanejo em 16 de abril de 2010 às 20:29:48»
Nada de preconceitos comigo pois enojo e sou totalmente contra e vacinado qualquer tipo de preconceito e violência no entanto, se eu entrasse numa sala para me massagear e tivesse um negão guarda roupa daqueles, um gay e uma loirinha gata daquelas, podem ter a certeza que ia escolher a loirinha e ao terminar, pagaria por mais 4 horas de mansagem e depois mais 5 e depois, ainda deixava uma baita gorjeta prá ela, pois foi mulher prá mim, não quero nem saber qual a cor ou idade... foi mulher eu tô dentro! clap clap clap
avatar
Tyr em 16 de abril de 2010 às 20:19:02»
Veio, vo te conta:

Sou negro ( Original de fabrica! Quié? Achou que o avatar
ao lado era só brincadeira? ) e passo por essas quiacas
todo santo dia.

Pior quando digo que sou programador! Quando digo que foi
eu quem criou determinado sistema parece que to mentindo.
Pra outros deve ser pecado!

E pra falar a verdade, essa do shopping ja aconteceu comigo.

É desse jeito, em outras circustancias ja foi pior!
avatar
DeusTigre em 16 de abril de 2010 às 19:12:08»
q homem n escolheria a loira?
mesmo q n fosse negro ou o gay e a mulher fosse feia eu escolheria a mulher,eu n gosto de ser tocado por homens
avatar
hurricane em 16 de abril de 2010 às 18:02:12»
Fod@ mesmo, e ta em todos os lugares

Acho que pré-conceito deve existir, como medida até de proteção, ou seja, é necessário em medida certa. Por exemplo você não vai permitir que alguma pessoa entre na sua casa sem não ter nunca visto ela antes, mas isso não vem ao caso.

Quanto a preconceito e discriminação racial (digo, etnia) é extremamente complicado. Eu mesmo sou afrodecedente,(uma mistura danada, mãe e pai com cor diferente) então tenho a pele escura e gosto demais da minha cor. Trabalho em cidades diferentes, pra ir até tais cidades vou de carro. No interior é comum o povo pedir carona de uma cidade proxima a outra e tal, muitos até trabalham diariamente desse jeito.
Mas um exemplo, sempre muita gente que esta no ponto pedindo carona indo pro mesmo lugar que eu, não me pedem carona, por que será, talvez me acham jovem demais pra dirigir né, ai ficam com medo, sei la.
Mas não passam de uma cambada de preconceituosos, que olham pro negro la no volante e ficam com medo.
Quando não to afim de dar carona ai eu coloco um Metal no talo do som do meu carro ai, cara posso passar que ninguem se arrisca a pedir carona mesmo, negro com metal no talo (rsrsrs).

Sobre o programa, a questão da massagem claro que eu ia preferir a loira.
Agora quanto a loja é lamentável mas é realidade.
Eu mesmo ja passei por isso quando criança na escola, quando sumiu material de algum colega da sala, quem vcs acham que eles vinham tentar incriminar.

Tem trem demais ainda pra melhorar nesse mundo,
vamos ver se até acabar dar se um jeito.
CaMiLiNhA em 16 de abril de 2010 às 17:38:49»
Só uma coisa a dizer...QUE VERGONHA!!
avatar
Angelik em 16 de abril de 2010 às 17:26:50»
Brasileiro é sim, muito preconceituoso, todo mundo pode tentar negar, mas no fundo (ou na superficie na maioria dos casos) todos tem muito preconceito contra alguma coisa, a maioria tem preconceito "racial".

Eu sou mulher, negra e nordestina, sofro preconceito por todos os lados.

Quando saio com minha irmã que é loira natural e tem olhos verdes, sinto a diferença na maneira em que somos tratadas nas mesmas situações.

O maior problema e que ninguém assume o preconceito, todos ensaiam um discurso sobre o que e politicamente
correto e se escondem atrás dele.
Alvinha em 16 de abril de 2010 às 17:03:36»
eu amei esse programa,não acei tão inteligente quanto cqc ma os caras são bons
avatar
TahHH em 16 de abril de 2010 às 16:29:29»
rolleyes
avatar
wendelzao em 16 de abril de 2010 às 16:19:38»
Esses dias eu estava vendo um post de teste de preconceito no amigos
avatar
Brasileiro Sertanejo em 16 de abril de 2010 às 16:02:58»
Rapaz, eu nem queria assistir aos Legendários, justo com medo de assistir mais merda na TV como tenho constantemente não visto na totalidade, pois passo rápido por cima e, só me detenho no CQC que são caras altamente inteligentes e sabem fazer humorismo inteligente, tirando onda com a imbecilidade dos verdadeiros otários que merecem.
Sou idiota e burro porém, detesto quem é mais idiota e mais burro que eu.
Aí, prá ver qual era e como dou o maior valor ao grande Mion, assistí e me tornei fã dos caras de carteirinha de modo que, sempre vou assistir ao programa deles no entanto, o que mais me impressionou foi justamente a demonstração do "preconceito velado" dos brasileiros.
Parabéns do Brazuka aqui no MDig, à galera da Record! clap clap clap
avatar
FireFox em 16 de abril de 2010 às 15:47:52»
fiquei sem palavras confused
avatar
Samuk em 16 de abril de 2010 às 14:39:12»
Nem sei o q dizer
avatar
RedFox em 16 de abril de 2010 às 14:34:14»
No Brasil existe o preconceito sobre o preconceito.
Por exemplo,cotas pra negros e indios é uma forma de dizer que eles não tem capacidade pra competir igualmente com brancos.Minha opinião.
E quanto à lei do racismo eu acho, favorece mais os negros,se alguem me chama sei lá de Lombriga pq eu sou muito branca não é racismo,mas se alguem me chama de macaca pq sou negra é racismo.
O problema é que todos querem respeito,mas no fundo,ninguém se respeita de verdade.
FELIPE TONIS CASTILHO em 16 de abril de 2010 às 13:54:29»
etah,mais ae ate eu escolheria a lora rapah.........ela é muito linda msm
avatar
Moonwalker em 16 de abril de 2010 às 13:36:37»
Todo mundo tem preconceito. Quem não tem, que atire a primeira pedra. De longe, por favor...

PS.: Tenho preconceito com pessoas sujas. Pronto, falei... rs

PS II.: Covardia, né? Qual homem não vai escolher a loira? ¬¬

PS III.: É sacanagem os seguranças terem ido direto no homem negro. Mas ao invés de ser hipócritas, seria melhor perguntar-se o que faria no lugar do segurança.
avatar
Silinha em 16 de abril de 2010 às 13:25:30»
Assumir que é preconceituoso além de dificil é crime.

As vezes o preconceito acontece meio... involuntariamente... aí ninguém assume mesmo