Faça o seu comentário

:

:







Comentários

G! em 01 de setembro de 2010 às 01:03:17»
Eu achei esse video muuuito legal hoje diviamos fazer algo assim para rirmos ou chorarmos da qui a 43 anos
Luiz em 23 de junho de 2010 às 00:41:36»
Ainda acho que tudo isso não anula as qualidades do vídeo..vc queria o que? Que eles tirassem a parada de trás do ouvido? Todo mundo tem que se basear em ALGUMA coisa...Newton mesmo disse que só conseguiu fazer os seus trabalhos pq "Estava sobre os ombros dos gigantes".

Por sinal, sei que existiram computadores mecânicos, mas a máquina de Babbage nunca foi feita. (pelo menos até onde eu sei). Realmente, existiram computadores à válvula antes dos transistores, isso eu esqueci mesmo, erro meu xP
Padre Torque em 22 de junho de 2010 às 22:24:15»
Thiago C:
Posso...
Resumindo: "Queriam mostrar o "futuro" que alguns já se beneficiavam, em prol de interesses específicos, deixando a maioria esmagadora da humanidade somente acessível à essas coisas, quando fosse "popular", ou seja, "politicamente e econômicamente" interessante...
:-
.
Luiz Felipe:
O "salto" de tecnologia vai-se dar quando o homem utilizar a ELETRICIDADE VIA WIRELESS !!!
Sabe por que utilizei este exemplo?
Porquê é o MESMO CASO do vídeo, em questão !!!
A Eletricidade Via Wireless existe desde o tempo do TESLA, mas até hoje não a usamos !!!
Viu só como os horizontes se abrem ???
smile )
.
Luiz:
O "cotidianamente" pode ser usado neste caso junto ao "popular" porque essas coisas existiam no hábito de várias pessoas. Mas não a humanidade, como um todo...
.
PS: O computador mecânico foi uma realidade. Aprimorando-se desde o tempo do Ábaco, funcionava com engrenagens e uma "programação prévia" de seus mecanismos. Claro que a coisa melhorou quando foram implementadas as tecnologias "movidas" a VÁLVULAS (bem antes do Transistor...).
smile
Luiz em 22 de junho de 2010 às 12:39:21»
Luiz Felipe, você expressou muito bem o que eu quis dizer!

Só vou fazer uma pequena correção, pq talvez vc não tenha entendido muito bem o que dizia esse artigo da Wikipedia. Babagge projetou uma "máquina de calcular programável e mecânica". Vamos dizer que seria como se os computadores ao invés de funcionar por eletricidade, funcionassem por molas, engrenagens, etc. Obviamente nada disso era viável, e a "máquina de Babbage" é algo que ficou só na idéia. Os computadores como conhecemos só puderam ser desenvolvidos nos anos 40, com o desenvolvimento de transistores.
avatar
Sunrunner em 22 de junho de 2010 às 12:18:12»
Eles nem imaginaram a oitava geração de video games. cool
avatar
Tyr em 22 de junho de 2010 às 06:41:12»
Na base de previsoes, muitas nao deram em nada! Algumas...
Mas essa mania de querer prever o futuro e dizer como sera
daqui a tanto tempo parece exercicio de futilidade!
Luiz Felipe em 21 de junho de 2010 às 23:46:50»
eles acertaram o que seria possivel fazer, e não a forma. se o design seria outro menor, e as telas seria mais final, e tudo seria no mesmo equipamento e nao teria esses botoes esquisitios, ou seja, a interface, eles não acertaram.
mas acertar o que seria possivel fazer é um feito em tanto.
é como acertar que daqui a 30 anos vamos poder teletransportar as mercadorias com a fisica quantica, seria uma mudança maior que a internet, a computacao e a energia eletrica juntas. imagine se fosse possivel teletransportar a um custo baixo, e a um tempo 0 o quão eficiente e gigantesca a economia poderia se tornar.
Luiz Felipe em 21 de junho de 2010 às 23:43:29»
Se for partir do pressuposto do padre torque, tudo não passa de enganação, pois a base ja existia antes.

E o computador foi inventado em 1837, pelo menos foi projetado.
Segundo a wikipedia:

O engenho analítico, um passo importante na história dos computadores, é o projecto de um computador mecânico moderno de uso geral, feito pelo professor de matemática britânico Charles Babbage. Foi descrito pela primeira vez em 1837, mas Babbage continuou a trabalhar no projecto até sua morte, em 1871. Por causa de questões técnicas, financeiras, políticas e legais, o engenho nunca foi realmente construído.

Computadores de uso geral, logicamente comparáveis ao engenho analítico, só iriam surgir, de forma totalmente independente da pesquisa de Charles Babbage, cerca de 100 anos mais tarde.

Alguns acreditam que as limitações tecnológicas da época constituíam-se num obstáculo adicional para a construção da máquina; outros acreditam que a máquina poderia ter sido construída com sucesso, mesmo usando a tecnologia da época, se houvesse obtido um forte apoio financeiro e político. Em todo caso, a máquina seria enorme e extremamente cara.
Thiago C. em 21 de junho de 2010 às 23:17:21»
Padre Torque, você pode se expressar melhor e chegar a alguma conclusão?
Grato
avatar
Gabrielbielg9 em 21 de junho de 2010 às 21:47:09»
Firefox tem razão
Luiz em 21 de junho de 2010 às 21:21:55»
"todos a mão, cotidianamente" e "Pena que não era popular" são duas frases que pra mim não fazem sentido no mesmo argumento lógico...

Pelo que eu entendi, vc tá falando que o vídeo "engana" a gente pq aqueles recursos já existiam, só que não eram populares. Bom, isso é parcialmente verdade, eu diria que o princípio básico de tudo isso já existia, mas não estava pronto na forma de produtos. E fazer isso foram esses longos 43 anos de caminhada...não tão simples quanto pode parecer...
avatar
FireFox em 21 de junho de 2010 às 19:51:37»
pois é biggrin

|
|
\/
Padre Torque em 21 de junho de 2010 às 18:07:22»
Como o ser humano é ridículo..
Eles juravam que no ano 2000 as coisas seriam semelhantes ao que eles idealizaram...
Jura, né...?
Nuna sociedade como a norte-americana, e até mesmo a japonesa, as coisas aconteciam com muita velocidade e acesso.
Eles já tinham aqueles recursos todos a mão, cotidianamente...
Pena que não era popular...
Mas achar que depois de 43 anos, não iria mudar quase nada...
Muito ridículo...
.
Isso me lembra aquelas revistas antigas que mostravam "o futuro" da humanidade.
Trens voadores, carros que pareciam discos voadores, etc, etc, etc..
(Ver Mecânica Popular, Science, etc, etc, etc...)
smile
avatar
CCN em 21 de junho de 2010 às 16:43:13»
Concordo com o Luiz. E penso que eles acertaram na mosca. Confesso que eu me vi no lugar dessas pessoas. Ok, os modelos mudam um pouco, mas se repararem, o sistema é bem semelhante aos computadores modernos.
avatar
FABIOHAZARD em 21 de junho de 2010 às 14:55:47»
e daqui a 43 anos, como será??? confused
Luiz em 21 de junho de 2010 às 14:37:24»
Olha, na minha opinão não está tão fora assim...lógico, como disseram aí embaixo, o desing das coisas mudou bastante, mas coloquem as coisas em contexto.

Em 1967 o que existiam eram os mainframes, aqueles computadores enormes e complicados, não existia nem o PC mais fuleiro possível.

Visto desse ponto de vista, é impressionante que eles tiveram a percepção de que fariamos compras e conferir online e computadores pessoais.

Pra colocar em perspectiva...isso seria como prever corretamente como as tecnologias mais de ponta atuais (LHC, spintrônica, realidade aumentada) vai afetar nossas vidas daqui à 20 anos.

A forma das coisas está bem diferente, mas o conteúdo foi acertado com bastante precisão.
avatar
wendelzao em 21 de junho de 2010 às 14:35:27»
Pelo menos erraram na aparência e no tamanho dos objetos
Felipe Tonis Castilho em 21 de junho de 2010 às 14:16:53»
oi...tudo bem com vc?
avatar
CrossFox em 21 de junho de 2010 às 14:16:33»
Mais uma prova que não há como reprodusir as circunstancias do futuro com recursos atuais
avatar
Marya em 21 de junho de 2010 às 14:16:19»
hum...
avatar
Andressa em 21 de junho de 2010 às 13:37:23»
Ainda bem que o designer das coisas mudou bastante. rolleyes
avatar
Tyr em 21 de junho de 2010 às 13:34:24»
oi!