Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Tyr em 06 de fevereiro de 2011 às 01:53:16»
O planeta sobrevive sem a raça humana. O contrário não é verdadeiro.

Uma colonia quando muito cresce passa a ser uma praga.

Imagino que 7 bilhões de habitantes de uma mesma especie possa ser considerada assim. E pelo visto petulantes o bastante pra acharem serem os unicos merecedores de viver no planeta. Ja que estão ignorando completamente os outros seres vivos e eco-sistemas.

Bom, o planeta em si, não é um ser vivo! Não na concepção tradicional. Mas que reage, reage!

2012 esta ai mesmo!
avatar
Luiz Felipe em 01 de fevereiro de 2011 às 22:02:30»
Sou contra o governo, acho que ele ta enganando.
Não acredito realmente que o aquecimento global seja culpa somente do CO2. Mas nunca disse que isso não é motivo para parar com a porcaria do petroleo, nem para não se preocupar com o meio ambiente.
Tudo que esta ocorrendo de diferente até agora foi uma mudança no ciclo dos tornados, mas isso ocorreu fortemente correlacionado com o ciclo solar ainda, e não em 1950 com o boom do uso do petroleo, não faz muito sentido.
Quanto a terremotos, sempre existiram.
Quanto a destruição das florestas, morte e desaparecimento de animais e outras coisas que destroem o ecossistema, nada tem a ver com o CO2 e sim com o ser humano construindo fazendas e cidades no lugar das florestas.
Tirar o CO2 da estoria não vai resolver problema algum, hoje a coisa do aquecimento global está sendo vendida tanto na midia, que parece que parar com emissão de CO2 é a bala de prata para nos salvar da nossa destruição, e não é, nem o fitoplancton.
Somente sei que a moeda tem dois lados, e ninguem sabe ao certo as causas do aquecimento global e nem se esta ocorrendo ja que não temos dados corretos. Então não da para engolir a estora simplesmente assim, pode ser um plano dos governos.
No mais, se o petroleo sumir, sou a favor da energia nuclear, porque se feita direito vai diminuir a poluição e reduzir o custo absurdo que se paga pela energia eletrica e pelos combustiveis que não serão mais necessários. E as outras formas de energia possuem custo muito elevado e não aguetam nem a demanda atual sem os carros, imagina se todos carros forem eletricos.
Mas tem os contras tambem de usar nuclear, usinas nucleares podem ser sabotadas, apesar disso é bem segura sendo que existem 400 em operação e plano para duplicar a quantidade. Um calhambeque velho de usina nuclear produz 15% de nosse energia sem usar petroleo, são 1500w por atomo de uranio "queimado", nada é tão eficiente.
Quanto as outras areas de estrago do meio ambiente, as empresas estão começando a mudar, porque os clientes já mudaram a mentalidade e estão exigindo produtos menos agressiveis ao meio ambiente.
Mas o governo é lento e vai demorar meio seculo para mudar.
E a maior culpa de todos problemas é existir tanta pessoa, é necessario muito controle populacional extremo para nos salvarmos, ou então algo terá que ocorrer drastico. Não existe mais recurso para tantos seres humanos. Sendo que a maioria vive como vegetal a margem.
avatar
Luna em 31 de janeiro de 2011 às 22:14:37»
Felipe, não sei em que mundo vc vive, mas não é o mesmo que o meu. Vc acha que o aquecimento dos mares é uma mentira? Não é preciso dados, estatísticas, nem a NASA e nem muito conhecimento para perceber-se o que está tão visível e óbvio.

Agora, o fitoplancton vai salvar a humanidade? Essa é a idéia, vamos encher o mundo de fitoplancton e esperar que ele limpe nossa sujeira. Vc deve saber muito bem a pesada importância que ele tem, tanto como responsável por produz grande parte do oxigênio que a gente respira quanto ainda por reduz o dióxido, mas a própria massa de fitoplancton esta ameaçada pelo aquecimento global e decaindo. Se há um desequilíbrio, ele tbm estão sendo afetado, não é mesmo?
Parece que vc ignora a situação, ou deve ser parente de algum dono de alguma grande empresa como a PepsiCo. Ah não, PepsiCo é do bem, e se preocupada tanto com o verde. Todos nós somos.
avatar
Luiz Felipe em 31 de janeiro de 2011 às 20:11:14»
ps: Esqueci de comentar sobre uma esperiencia que fizeram usando uma simulação climatica e que foi falseada para o governo.
Isso corrobora a minha teoria da conspiração do governo para tratados como o de Kioto e venda de creditos de carbono para estorquir governos e controlar a produção economica de paises pobres atraves do controle da quantidade de petroleo que pode ser queimado. Mas é somente uma teoria conspiranoica.
Isso saiu no wikileakes antes dele se tornar tão famoso na midia.

Outra teoria conspiranoica:
Somente o projeto Haarp para nos salvar, aniquilando aos poucos um percentual da população até atingir um patamar saudavel para o planeta, atraves do controle de furações, terremotos e tempestades.
avatar
Luiz Felipe em 31 de janeiro de 2011 às 20:04:14»
Acho que sou eu que nego muito que o aquecimento Global não existe mesmo e não passe de estoria do governo.
O dioxido de carbono pode estar em qualquer concentração, ele é o gas da vida, se tiver muito o fitoplancton vai crescer mais e absorvelo, pois invariavelmente esses 40 a mais de concentração vai parar no corpo de agua do planeta que são os oceanos.
E a concentração de co2 é 0,004% da atmosfera enquanto que a da agua é mais de 20%, e todos sabemos que gases leves (h2o) sobem enquanto gases pesados (co2) descem, e tambem sabemos que a agua é melhor trocador de calor que co2 (ja que o que sai do escapamento do seu carro nao ajuda em nada na refrigeracao, e sim
a agua do radiador).
Então se aquecimento global existe, não é culpa do co2 com certeza.
Mas a isso, se soma o fato de que das 5000 estações de medição de temperatura, cerca de 78% ficam perto ou dentro das cidades. Logo, a poluíção das cidades causa um aquecimento "urbano" que da a entender que é global.
No mais o infravermelho de fotos de satelite não registra nenhum aquecimento anormal nos ultimos 30 anos, a não ser o ciclo solar mais forte de 15-20 anos, que está no auge agora mesmo.
Lembrei de mais uma informação, o co2, produzido por qualquer coisa viva e por toda a biomassa de seres vivos é simplesmente 500 veses maior que o co2 produzido pelos carros. da onde voçe acha que o petroleo vem? do pouco que resta de serer vivos vegetais que não foram comidos e morreram soterrados em condições climaticas muito especificas, por isso o petroleo é raro e caro, é o ouro negro.
Se fossem condições faceis de serem criadas, nossa quimica avançada provavelmente ja teria inventado o petroleo sintetico produzido de plantas, o que seria um desastre para o meio ambienta por conta da monocultura e não do CO2.
O resto é estoria e politica.
Concluindo, concordo com o fato da nossa agricultura de monocultura destruir o planeta. Somos gafanhotos acabando com tudo. Sorte que existem tornados, enxentes e doenças para ajudar.
Sendo a maior causa de morte, a propria comida, ja que doenças cardiacas são a primeira fonte de morte no mundo, e causada por má alimentação.
Desocupado13 em 31 de janeiro de 2011 às 16:29:16»
"Cada vez mais acredito que na verdade, os humanos somos aqueles aliens maldosos dos filmes de ficção, somos como uma praga de gafanhotos numa plantação. Avançamos destruindo tudo a nossa frente sem respeitar os limites que o planeta pode suportar"

Bobagem! O que vale é a lei do mais forte . Se eu quero algo , vou lá e pego! A própria nos fez assim, animais carnivoros e conquistadores . Azar de quem ficarno caminho .Ou alguem aqui desisti de uma vaga de emprgo por pena do concorrente ?
avatar
Luna em 31 de janeiro de 2011 às 16:19:23»
Eu não sou eco, sou apenas chata então, posso dizer que aqui no MDig temos um negador do clima, já, já ele aparece dizendo que AG non ekziste.

Falam em limite máximo para a concentração de dióxido sendo 350. Se ela esta em 390, extrapolando o limite, algo deve ser feito imediatamente, mas em 350 estaria tudo ok? Acho que não, deveria ser bem mais reduzido, e não só isso seria suficiente para parar um trem desgovernado.

Impressão estranha de que podemos poluir, desde que fique dentro dos limites para que a natureza continue se virando e mantendo as coisas funcionado para nós.
Tanta conferencias para quê? Sai mais barato poluir, isso já entendemos.

Catástrofes? Hum...
Cristiano em 31 de janeiro de 2011 às 16:10:47»
Viu? É por isso que eu sou a favor das catástrofes. Reduzindo a população a 10% (de preferência gradativamente) a natureza será capaz de se regenerar numa velocidade maior do que podemos destruir... É fascista, mas resolve!
avatar
Moonwalker em 31 de janeiro de 2011 às 15:41:10»
Esse comentário do Lucas me lembrou uma coisa que li num muro certa vez:
Syngenta mata!!1 ma ma ma
Lucas Lambertini em 31 de janeiro de 2011 às 15:21:26»
Ola a todos,
O modelo de agricultura que o Brasil segue não condiz com a nossa região no planeta. Num clima tropical existem milhares de associações entre espécie e diversidade do que numa floresta sub tropical. Por isso conheça Sistemas Agroflorestais (SAF). Não a monocultura.
avatar
Luna em 31 de janeiro de 2011 às 15:16:08»
Por que o homem não ficou então comendo apenas carne para a absorção de vitamina D? Ficassem quietos com sua caça. Maldito cabeludo afrescalhado que inventou essa coisa de plantar. Tô aqui imaginado que entre todos os trogloditas, um se diferenciou, o Trogloaldo Robertison, e passou a comer vegetais e a ter sua própria hortinha no fundo de sua caverna porque achava caçar e matar um animal ser uma brutalidade tremenda, além de quebrar suas unhas e de fazê-lo transpirar bastante. Tudo começou quando Trogloaldo Robertison encontrou uma espécie de pepino selvagem...
Jr Junior em 31 de janeiro de 2011 às 15:08:21»
Enriquecendo nosso conhecimento cultural !!
avatar
FelipeTonis em 31 de janeiro de 2011 às 14:55:13»
Lol!
avatar
wendelzao em 31 de janeiro de 2011 às 14:48:21»
Achei que ele andava com sementes de girassol no bolso para plantas aonde ele matava eek
avatar
Moonwalker em 31 de janeiro de 2011 às 14:40:19»
Ah, tá... Li o título e pensei que ele era o precursor dos eco-chatos...
O planeta tem um incrível poder de se renovar, mas se poluímos em velocidade maior, ele vai acabar perdendo a luta.
Se eu fosse o planeta terra, já teria tomado um... sei lá, um remedinho anti-seres humanos...