Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Luna em 09 de fevereiro de 2011 às 10:13:58»
Eu lembrei da animação Up- nas alturas. Eu adorei, e a impressão que se tem, é que nosso destino já está traçado, isso porque quando a personagem principal esta idoso, quando ele olha pro passado e tudo que aconteceu e o que esta acontecendo, parece que toda a vida se encaixa tão perfeitamente como um quebra-cabeça feito por alguém que escondeu as peças pra gente procurar. Outra coisa que me chamou a atenção, é nosso apego bobo a coisas materiais e ao passado, como diz a letra da canção, o novo sempre vem, e aquela outra que diz que é preciso jogar as coisas velhas e o passado fora, pra dar lugar a um renovo. Quando estamos em momentos extremos de vida ou morte, o material fica completamente sem valor. E por ultimo, a força do nosso organismos pra reagir em situações de risco -um velhinho que andava com auxilio de um andador, agora podia correr. Enfim, tem muita coisa interessante pra se absorver nessa animação, que é um primor da Pixar.

Bem, eu tenho os meus problemas, os meus próprios sofrimentos, e minha personalidade e maneira de viver e encarar tudo, é com isso que vou aprendendo e modificando, não com as experiências contadas dos outros. Os acontecimentos diários não estão todos nas nossas mãos. Ninguém tem o controle total das coisas. A vida é vivida de acordo com o que nos vai sucedendo. Não existe fórmula mágica.

A palestra é muito boa, mas não funciona comigo. Essa coisa de querer abrir os olhos das pessoas para o quanto a vida é bela e temos que vivê-la plenamente. Isso é de consciência de todos, quem não sabe disso, é preciso passar por momentos como os de Neil Pasricha pra saber? Acho que não, mas se foi preciso pra ele mudar sua vida, não espere que as pessoas mudem as delas por causa de uma palestra que se baseia em sofrimentos alheios.

Odeio papos auto ajuda, odeio quando jogam na gente essas lições drásticas de vida para que a gente se emocione e pare de beber, por exemplo, enquanto há tempo.

No mais, quero minha vida como em Up - as cosias acontecendo como se tivessem sido feitas pra mim, eu me surpreendendo e aprendendo.
avatar
daniel19vasco em 08 de fevereiro de 2011 às 21:38:21»
E imaginar que ele, após se separar de mulher e perder um grande amigo, começou o melhor blog do mundo
sooneca em 08 de fevereiro de 2011 às 17:57:32»
Puts! Muito legal!
Esses vídeos também são bons para treinar o inglês. É só colocar as legendas e inglês e se acostumar com o idioma.
avatar
Alucard em 08 de fevereiro de 2011 às 15:49:57»
Simplemente maravilhoso!! clap clap clap

Parabéns pelo post, Admin!
avatar
Nana em 08 de fevereiro de 2011 às 14:37:05»
Perfeita!!! Sério nunca assisto as TEDs por serem longfas, mas essa é perfeita. O valor das coisas simples é por vezes esquecido nesse mundo instantâneo em que vivemos e o autopr resgata isso.

PERFEITO!!!

E essa frase do final é tudo: " Você nunca será tão jovem quanto é agora" ...... É viver!!! Agora!!! Amei...!!!
Franciane em 08 de fevereiro de 2011 às 14:30:48»
O vídeo é muito bom. Coisas simples da vida que fazem a diferença.
Parabéns administrador pela post!
Jalin Habei em 08 de fevereiro de 2011 às 13:57:00»
bem legal,, e dá-lhe grêmio
avatar
FelipeTonis em 08 de fevereiro de 2011 às 12:34:34»
Nem vi o video.
avatar
Lucy em 08 de fevereiro de 2011 às 12:30:25»
muito bom mas so consegui ver o video ate a metade nao sei porque nao consigo ver esses videos todo eles nunca carregam todo sad
avatar
Moonwalker em 08 de fevereiro de 2011 às 11:06:28»
cool cool cool