Faça o seu comentário

:

:







Comentários

fernadinho beira mar em 17 de agosto de 2011 às 12:07:41»
Os brasileiros somos, provavelmente, a nação mais solidária do outro mundo mandomos tudo para o inferno não acredita então veja a tal juiza mandomos para o inferno porque ela queria mexer com o bonzinho do brasil essa muitooo mais se mexer com os bonzinho que são os nosso traficantes , policiais corruptos , politicos corruptos vamos mandar tudo para o inferno tá vendo com nos somos solitarios ....
GuilhermeAB em 18 de julho de 2011 às 23:04:08»
Muito bom o post, parabéns. Acredito que isso não é só no Brasil e sim em qualquer lugar que não tenha alto índice de educação, recebi uma educação decente e aprendi na forma de agir, quando não há educação para a maioria da população acontece o jeitinho brasileiro, que por sinal não é ruim porque é um jeito desenvolvido por nós é a nossa cultura, mas há coisas quem devem ser respeitadas e o jeitinho brasileiro poderíamos usar, por exemplo, para ganhar do Paraguai, aliás, do Paraguai nem precisava vai, contra uma França. O Japão educou seus filhos como um pai sábio e o Brasil educa seus filhos como um pai brasileiro.
Jefferson da Silva Repolho em 26 de abril de 2011 às 19:36:47»
Porque são mais evoluídos, hora.
Kamiwoo em 15 de abril de 2011 às 22:56:54»
Seu eu pudesse escolher a minha nacionalidade ainda iria escolher ser brasileiro, sempre preferi acreditar que e o proprio individuo que decide como vai se comportar, durante toda a historia da humanidade sempre houve pessoas que independentemente da nação ao qual pertenceram, se elevaram alem do momento e fizeram ações nobres, mas essas pessoas são raras, eu duvido ser uma delas, a maioria das pessoas( incluindo os nossos amigos japoneses e aqueles aqui que gostam de dizer que queriam nascer japoneses por que eles são pessoas "descentes" wink iriam sim praticar saques e outros atos de violencia quando a fome e o desespero apertassem.
Me lembro de ler um livro onde um sobrevivente dos campos nazistas de concentração contava a historia de dois judeus que se recusaram a denunciar para os americanos onde estava um escondido um soldado alemão, eles so aceitariam falar se o general americano prometesse tratar bem o soldado alemão, pois segundo os judeus esse soldado alemão sempre foi gentil com os prisioneiros judeus, chegando a tirar dinheiro do proprio salario para comprar remedios para os prisioneiros judeus.
Aquele era um soldado alemão, que as pessoas tanto gostam de apontar o dedo e chamar de montros, e mesmo sendo um soldado alemão na epoca do nazismo ele escolheu fazer a coisa certa.
Antes que algum "avatar da justiça" se anuncie, não estou defendendo o nazismo, estou apenas dizendo que e possivel encontrar individuos honrados ou "podres" em qualquer lugar, até mesmo, quem sabe, em um brasileiro ou um japones.
Acho engraçado vocês dizerem que os japoneses são pessoas "descentes de verdade", basta dar uma olhada por em certos lugares que você ve que eles também possuem os proprios esqueletos no armario, mas e claro que eles não vão sair anunciando isso por ai certo?
Antes que alguem fale, eu não odeio japoneses, eu admiro eles, uma pessoa que eu considero um deus entre homens e o Romeo Tanaka, autor de Cross channel, eu não me considero nem digno de carregar os sapatos dele, mas admiriar uma pessoa (ou uma nação) não deve te impedir de ver os erros que eles cometem.
PS: O livro que narra a historia do ex-prisioneiro e "Man's Search for Meaning", um bom livro, uma parte interessante fala sobre prisioneiros judeus que recebiam "vantagens" em troca de vigiar e denunciar outros prisioneiros que estivessem quebrando as regras.
leeticiaa em 22 de março de 2011 às 15:57:59»
probe do japan né ? kkkkkkkkkkkkk smile
leeticiaa em 22 de março de 2011 às 15:57:14»
probe do japan né ? kkkkkkkkkkkkk smile
Mr. Hyde em 21 de março de 2011 às 14:18:07»
Laura em 16 de março de 2011 as 20:14:02 »
Em que mundo voce vive mr hyde? Nunca ouviu falar em canibalismo que existe até hoje? Tem gente que nao devia abrir a boca mesmo

Concordo, Laura. E muitos outros tantos não deveriam escrever também.Os casos isolados de canibalismo, ao longo da história, salvo em raras situações extremas, não tinham outra função a não ser ritual. Opa, eu já disse isto antes...E tu não leu! Poderia citar alguma civilização em algum período que tenha-se provado cientificamente que tinha POR DIETA o consumo da carne dos seus iguais?
Ou faça isso ou faça bom uso da prerrogativa do silêncio, fica a teu critério agora.

Ha, Dreadlipe, pra que TU existe, criatura????
Zangetsu em 18 de março de 2011 às 12:51:24»
Depois me perguntam porque eu acho os japoneses melhores pessoas, um dos motivos pelo qual quero ir morar lá. Aí está. Seria uma honra viver o resto da minha vida do lado de pessoas realmente descentes.
Dreadlipe em 18 de março de 2011 às 12:46:25»
Pra que server as baleias? So pra ambientalista ter o que defender..
juniorrrrrrrrrrr em 18 de março de 2011 às 01:42:48»
''As roupas e cobertores enviadas para Santa Catarina na enchente do ano passado[...]''

ce ta parado no tempo né fío?

as enchentes aqui em SC foram em 2008 HAHAHAHA
avatar
Luiz Felipe em 17 de março de 2011 às 21:09:59»
"Humanos nunca fizeram parte da dieta humana, em tempo algum, em sociedade alguma, exceto os hominideos que existiam antes do homo sapiens sapiens. "
Como voce explica que so existe uma unica especie de seres humanos. Matamos e comemos todas as outras, ou elas morreram de frio por que eram "burras", ou as duas coisas.
julia jpn em 17 de março de 2011 às 18:48:16»
Aqui as coisas começam bem cedo, ja na escola os professores tem autoridade de pais para EDUCAR uma criança, e nw so ensinar e se for preciso, ate repreender.O respeito é reciproco. A organizaçao tbm começa bem cedo, alunos primarios ja arrumam sozinhos seus pertences nos armarios, aprendem a cozinhar, fazem tudo juntos,e no fim das aulas sao divididos grupos para limpeza das carteiras e sala de aula, obrigatoria. Ninguém joga lixo nas ruas, cada um tem seu "saquinho"guardado pra juntar os descartes e qdo chega em casa joga no lixo, ou entao nas cestas das lojas de conveniencia. Aqui ninguém espera q o governo ou prefeitura façam tudo pelo povo, porque o povo também ajuda. Quem dera o Brasil pudesse ter so um pouquinho dessa educaçao.
cdr em 17 de março de 2011 às 11:50:26»
La o povo é civilizado!! Da até inveja!!!
marcio em 17 de março de 2011 às 11:35:42»
Eu devo ser meio primitivo, pois ainda preservo o hábito de comer gente, de vez em quando como uma........
avatar
Horus em 17 de março de 2011 às 11:28:43»
E pq os japa tem honra , moral, dedicacao e muitas outras qualidades, enquanto aki os BR sao tudo cada 1 por CI!!
g. em 17 de março de 2011 às 10:48:01»
O ser humano é um animal e tem instintos extremamente individuais, por questões de perpetuação de seus genes, mas é um animal que só consegue sobreviver em grupo, pois só, é um animal fraco. Nós aqui, temos sim a noção de que só sobreviveremos em grupo, mas deixamos os instintos individuais falarem mais alto. Claro que a questão da cultura também é muito importante. Analise a história do Brasil, do Chile etc. e analise a do Japão. Fomos explorados desde 1500, fomos saqueados desde essa época. Acabou-se a escravidão e os ex-escravos não tinham o que comer e nem nada, saqueavam (com uma certa razão) para sobreviverem. Hoje, mesmo o que tem e que não passa necessidades, aproveita de uma situação desastrosa para tirar proveito pois isso está na nossa cabeça, de brasileiro, como algo bom.
avatar
Raxyz em 17 de março de 2011 às 08:42:15»
Honestamente, eu sempre vi isso no povo brasileiro, mas era um problema que não tinha solução "individual", a única resposta que eu imagino que melhoraria isso no Brasil seria uma educação melhor, mas não a educação escolar (apesar de necessária) a educação que cada casal dá ao seu filho, e pra mudar isso só com extremo radicalismo, como uma ditadoria no Brasil. Agora imaginem se o ditador vai dar a mínima pro povo...
Vai roubar tanto quanto na democracia.
Van Damme em 17 de março de 2011 às 06:46:08»
respeito ao próximo!
avatar
Alucard em 17 de março de 2011 às 01:46:39»
Deveras já salientei acerca da consolidação do comportamento humano, tanto individual como coletivo.

Venho a dizer que (pragmaticamente) não basta apenas um, dois ou três fatores para que certo ente (ou grupo) demonstre padrões recorrentes de conduta, pois, se eles são uma resposta a estímulos de percepção, a MULTICAUSALIDADE há que estar inseparável para a assunção dos mesmos!

Apesar disso, é tentador nos basearmos em induções estatísticas a fim de atrelarmos variáveis para acreditar (mesmo estando com tanta passividade a equívocos...) em um caminho supostamente verossímil para a resposta a tal questão... Sendo assim, caio na tentação, e (como já salientado pelo Michel Sanderson), coloco a "disciplina" com um grande fator.
jALIN rABEI em 17 de março de 2011 às 00:05:45»
ñ sei a resposta, mas enfim um bom post!
avatar
Michel Sanderson em 16 de março de 2011 às 23:08:46»
Se eu pudesse ter escolhido minha nacionalidade com certeza tbm teria escolhido o Japão, realmente é impressionante a organização e a cultura desse povo, só pra lembrar no Katrina em Nova Orleans muitas pessoas tiveram que ficar abrigadas no SuperDomo e lá aconteceu roubos, estupros, mortes, brigas e etc...olha a diferença do que acontece no Japão...os japoneses estão de parabéns pela sua disciplina...
Jr Junior em 16 de março de 2011 às 22:49:27»
Por estas e outras é que falo que se tivesse como ter escolhido minha nacionalidade teria escolhido o Japão como uma das opções.
Pior é que nao podemos nem dizer:
_ Tomara que sirva de exemplo para as pessoas daqui.
Porque sabemos que nao adianta nada, tudo culpa deste maldito "jeitinho brasileiro."
avatar
LukeSchimmel em 16 de março de 2011 às 20:42:35»
Oras... eles não são vikings rolleyes
Literalmente, eles são civilizados, não vivem num país como um Brasil onde se vê alguém morrendo, ainda jogam uma bomba.
Laura em 16 de março de 2011 às 20:14:02»
Em que mundo voce vive mr hyde? Nunca ouviu falar em canibalismo que existe até hoje? Tem gente que nao devia abrir a boca mesmo
michele em 16 de março de 2011 às 20:03:10»
Pois é ....depende da cultura,organização do país e isso inclui o Japão .
avatar
Samuk em 16 de março de 2011 às 19:56:45»
Impressinante isso nao acontecer no japão .... já aqui é Brasil né
avatar
Daniel Ciriaco em 16 de março de 2011 às 19:33:05»
Esta com certeza é a imagem de uma sociedade Primeiro Mundo, onde deveríamos nos espelhar. É também a visão de como uma nação pode se levantar das cinzas quantas vezes forem necessárias se tiverem unidos. Como em 1945, em que o país e o mundo ficaram perplexos pelos ataques, Hoje podemos acompanhar como eles se reergueram, já que não foram como nós e esqueceram o sentido das palavras, ainda mais um país que foi construído sob uma: a Honra.
Mr. Hyde em 16 de março de 2011 às 18:49:01»
" nossos antepassados comiam gente '

Comiam?? O que se sabe de antropofagia, salvo raros casos e sobrevivência, como o agidente dos uruguaios nos andes, é que era uma coisa ritualística, tinha um significado espiritual. Humanos nunca fizeram parte da dieta humana, em tempo algum, em sociedade alguma.
avatar
mmb223 em 16 de março de 2011 às 17:03:38»
Na minha opinião isso tem muito a ver com a história do país o Japão já passou por um grande processo de reconstrução no período pós guerra e também já vivenciou problemas causados por energia nuclear também no fim da guerra então está na cultura e na história do povo que para sobreviver é preciso se unir e não separar, se acontecesse algo parecido no Brasil da magnitude que aconteceu no Japão tenho a mais absoluta certeza que teríamos aqui um novo Haiti... neutral
avatar
Luna em 16 de março de 2011 às 17:01:33»
Solidariedade esta tbm na demonstração de respeito pelas coisas alheias. Eles prezam isso. Todo mundo sabe o valor do material, eles são uma nação desenvolvida onde a maioria têm carro, celular etc, eles não vão saber? Por outro lado, temos o instinto de sobrevivência, não se vive sem comida, sem água, e o saques, seriam válidos em uma situação extrema. As pessoas morreriam de fome tendo um supermercado cheio de comidas bem à frente? Ou de frio com uma loja de cobertores ali do lado? Se não tivesse outra forma, saqueariam sim, e acho que não é errado. Mas é claro que é bem diferente de em meio a uma tragédia com essa proporção, de ser egoísta e sair vandalizando, e de saquear para não morrer de fome.

Ah, e notei tbm que não tem geladeiras no meio dos escombros.
william kaititu em 16 de março de 2011 às 16:57:06»
Na verdade eles queriam saquear o mundo, junto com a sanha Nazista.
Certamente ficaram envergonhados coma derrota e se comportam bem atulamnete, o que é louvavel.
ELIAS em 16 de março de 2011 às 16:34:52»
Muito bem observado,realmente a cultura do povo japonês,se sobressai em relação ao resto do mundo,exemplos que os fazem resurgirem das cinzas.Educação,persistencia e repeito.
Leo Sllyver em 16 de março de 2011 às 16:33:09»
A nação japosena se reerguerá com orgulho e honra! Jamais veremos isso em nosso país de trolls egoístas.
avatar
Evandro Eloy em 16 de março de 2011 às 16:22:59»
Aqui no Brasil, roubam banco...com você sentado em cima! rolleyes eek
avatar
Marii em 16 de março de 2011 às 16:06:57»
Educação moral! Coisa que nós e outros povos ainda não temos!
avatar
wendelzao em 16 de março de 2011 às 15:58:44»
Aqui é cada um por si
avatar
Tyr em 16 de março de 2011 às 15:46:31»
Coletividade individual. Pensar sempre em todos em primeiro lugar.
Não era á toa que quando se cometia seppuku não era simplesmente deixar a vida. Era para chamar a atenção de um superior e imolar-se era o preço pago.
Hoje eles não fazem mais isso, mas ainda sim, pensam no todo antes de pensar em si.

Namú - Expressão xintoista. Igual a 'De-me forças'.
avatar
Moonwalker em 16 de março de 2011 às 15:43:08»
eek eek eek