Faça o seu comentário

:

:







Comentários

Firminos em 17 de novembro de 2011 às 17:19:24»
Pra mim, na realidade só junta gente carente de atenção e gente metida a besta! pior, pobre metido a besta!
Gustavo Du Rocher em 10 de agosto de 2011 às 14:18:58»
Na internet, os impopulares são populares, os que nunca pegaram mulher são pegadores, e etc. Na internet, inclusive os postadores do MDIG, são como eles bem entendem. Você pode ser você mesmo sem temer a nada, nem a ninguém. Não é que a internet esteja criando um desejo nas pessoas de se importarem mais com o que as outras pensam do que no que elas mesmas pensam sobre si, a maior parte da humanidade JÁ É assim, desde a infancia. Na internet isso fica latente. O problema maior é que isso PODE SIM aumentar com o uso de redes sociais frequente, principalmente se, nelas, você recebe um nível de atenção muito maior do que fora delas, porque o que criam-se são mundos paralelos. Ao passo que num facebook/twitter, você consegue repercurssão por tudo que você "faz", ou pelo menos comenta que faz, e gera identificação de algumas pessoas por isso, na vida real dependendo da situação social aonde você estará inserida, a vida poderá ser uma competição aonde "muitos postam e poucos comentam". Alguém entende o que eu quero dizer? Se antes dizer uma frase podia ser sinonimo de no mínimo 10 ou 15 pessoas comentando-a, ao vivo apenas 1 ou 2 irão fazer isso. Isso criará um vício de DESTAQUE muito grande, o que não seria tão horrível, se a pessoa "trabalhasse" pra ganhar destaque. O problema é que no facebook, o esforço para chegar a uma posição de destaque é mínimo. Muitas pessoas até apelam pra reciprocidade e comumente "dão um like pra receber outro" e coisas do tipo. Na vida real o esforço pra isso é bem maior. Ou seja, as pessoas, por não estarem em posição de destaque, deixarão, muitas vezes, de se expressar, pois se sentirão inferiorizadas pelas situações de pouca repercurssão e alta crítica.

Já convivi com algumas pessoas que não olhavam nos olhos também, e digo que, no brasil, elas não tem vez. Eu mesmo tive que aprender a olhar nos olhos, notando que não olhar neles demonstrava baixa auto confiança, o que não condizia com minha força interior, e hoje procuro contato visual o tempo todo. De uma maneira ou de outra, as pessoas aprendem a viver. Revés para aqueles que gostam de desistir fácil das coisas, pois certamente teremos mais um motivo para ter deprimidos na futura geração Y adulta.
axxes em 09 de agosto de 2011 às 03:13:35»
Ora, mas esses são os miguxos.
avatar
Luiz Felipe em 06 de agosto de 2011 às 20:33:48»
Não gosto de redes sociais.
Eu desenvolvo softwares.
Redes sociais são apenas um aplicativo de banco de dados com uma interface. São simples ainda por cima, poucas regras. Não que seja facil faze-lo ou manter, quando se tem milhões de usuários.
E usuário é a melhor palavra para descrever, pois são dependentes da tecnologia. Não a utilizam como ferramenta.
Quando lançaram esse negócio, não achei graça, pensei que não ia dar certo. mas me enganei, o povo gostou dessa coisa tola.
Muitos pensam que a internet é só isso, e que não existia antes.
Eu so disse isso, porque dá para viver sem rede social.
No maximo um perfilzinho no linkedin para colocar o curriculo.
avatar
xandy46 em 05 de agosto de 2011 às 20:14:20»
Todas as gerações tiveram sua porcentagem vaidosa e caprichosa, a diferença é que na atualidade está aparente nas redes sociais. wink
avatar
Politico Honesto em 05 de agosto de 2011 às 20:10:40»
Aqueles que possuem uma mente fraca, que buscam auto-afirmação somente através de outros, é que se encaixam nesse perfil. Mais que uma área de escape para suas frustrações na vida, essas situações acabam virando um dos focos principais dessas pessoas.
avatar
Tyr em 05 de agosto de 2011 às 18:11:55»
Dificil opinar. Quem conheci através das redes sociais tem lá seus caguetes então não tenho como julgar. Ainda mais que no mundo virtual a coisa mais fácil que existe é criar um personagem.
avatar
Lucy em 05 de agosto de 2011 às 16:03:06»
O que tem de gente caprichosa vaidosa obsessiva então biggrin mas não vai ficar só nisso outras redes irão surgir cool
avatar
Mary em 05 de agosto de 2011 às 15:09:09»
eu tenho profissionalmente, ajuda bastante e altamente necessário
Jr Junior em 05 de agosto de 2011 às 15:02:01»
Nao tenho nda disso !!!!
avatar
LukeSchimmel em 05 de agosto de 2011 às 14:26:02»
Minha mãe é vaidosa antes dela usar redes sociais... e ela é obsessiva com isso..