Faça o seu comentário

:









Comentários

Toruh em 10 de janeiro de 2014 às 11:55:00»
Esse é o poderoso escudo impenetrável que chamados de "Cultura e Religião"... Tudo que for nocivo mas que esteja envolvido à uma dessas citada acima passa a ser perdoável e entendível...

Me poupe cara... alguém troll épico da época inventa uma estória e o resto do povo caí muito fácil e ninguém contesta? Dai me aparece um cara que fala que o planeta e redondo e é louco, uma mulher que não quer ser católica e é bruxa ou um ateu que simplesmente diz não acreditar em religiões e é satanista... esse mundo nosso é mt fraco, sendo assim sou devoto de Odin e quem disser que estou errado estará cometendo uma injustiça pois isso faz parte da minha cultura e crença. KKKKK
Isabela em 21 de maio de 2012 às 01:16:42»
Frases como "Quando fulano morreu,um pedaço de mim foi embora" são tomadas no sentido literal por esse povo.Achei horrível.
avatar
corvino em 19 de dezembro de 2011 às 16:19:34»
Camarada Matheus:
A cultura em questão não é idiota, mas é tão ruim quanto mutilar meninas na adolescencia para que não sintam prazer, sacrificar crianças para ter mais força ou riqueza (é isso acontece, mais ainda se vc for africano e albino), autoflagelação, fazer promessa pra outro pagar (poxa, subir escada de joelhos é de cagar), e outras tantas bizarrices que ocorrem. E a questão aqui não é julgar esta ou aquela cultura, é ver que na maiorias delas quem sofre são mulheres e crianças. Idiota é relativizar a questão. Certas coisas não devem ser aceitas, nenhuma violência (consentida ou não), seja ela física ou social, deve ser aceita. Quanto a vc ir ao enterro do teu avô sorrindo, por mim tudo bem, isso é um direito seu e ninguém tem o direito de abrir a boca, agora imagina que eles além de não poderem sorrir, ainda perdem os dedos. Se fui ofensivo, não foi a intenção.
Matheus em 18 de dezembro de 2011 às 23:02:39»
"Se você fosse uma mulher dessa tribo e fosse obrigada a sofrer uma multilação a cada velório talvez sua opinião não fosse tão pseudo intelectual como a que tem agora. Todo o tipo de atrocidade pode ser perdoada se for uma "cultura"? Sua opinião "imparcial" se dá apenas porque não sofre por essa "cultura" maravilhosa que está supostamente defendendo. Por mim pode continuar com a sua inteligência superior Sr. Matheus Intelectualóide."

É bom saber que os cientistas ainda procuram vida inteligente. Falam tanto da cultura de outros, mas porque você não sofre com a sua você não considera a sua como errada.
Morreu um parente seu, você é obrigado pela sociedade a sofrer, sou aspie, realmente para mim discernir algo estranho de algo comum, não é fácil, cheguei no velório de um avó meu sorrindo, e só apareci poucos minutos antes do enterro, pois não considerava necessário eu perder as aulas no colégio, não era lá tão ligado a ele, fui praticamente fuzilado por uma parente que também não é ligada a ele, tentaram me impor um sofrimento por algo que eu não sofria.

Não estou dizendo que está certo ou errado a cultura, estou dizendo que SUA visão está errada, completamente etnocêntrica, julgar uma cultura é algo que não cabe a meras pessoas que se pensam pensadoras.
Pode parecer besta comparar uma mutilação a algo que me foi obrigado, mas seria mais besta ainda julgar qualquer uma das duas culturas, sem que você seja encaixado em alguma delas, você disse "ninguém nunca vai me obrigar a respeitar uma cultura idiota como essa.", agora me explica que formação e que socialização com tal cultura você tem para poder julgar ou não determinadas ações sociais?
avatar
De Maria em 17 de dezembro de 2011 às 14:49:20»
Quando a gente perde um ente querido a gente já sofre pra cachorro, já sente uma dor profunda que só a gente sabe o que está sentindo... mas, imagina juntar à essa dor uma dor física de mutilação dedóica! eek
Aí a pessoa enlutada vai sentir duas grandes dores, a da perda do ente querido, mais a do dedo. mad ui !
avatar
Sapatenis em 17 de dezembro de 2011 às 12:58:37»
Depois que acabar os dedos eles vão corta o oque? o p*nto.... desculpa não li a materia to ocupado
avatar
Luiz Felipe em 17 de dezembro de 2011 às 12:43:09»
Sou a favor do progresso. Fazer algo por tradição é pura comodidade e estupides, mesmo que não seja tão bizarro quanto cortar dedos. O ser humano é tolo mesmo, a unica habilidade que ele tem de especial, que é pensar, e mesmo assim não quer fazer. A sorte que nem todos são assim, senão estavamos nem na era da pedra lascada, e sim na era dos coletores.
Mas como já disseram, parece que o termo "cultura" traz junto a moral. Então nesse caso não seria errado considerar os padres pedofilos como imorais, porque na cultura deles não é errado.
Mesmo assim, não deixa de ser idiota cortar um dedo fora sem ser acidental, não precisa de justificativa. não vai deixar de ser uma atitude estupida e imbecil, nem mesmo por "cultura".
sooneca em 17 de dezembro de 2011 às 08:39:44»
A fé deles é cega como a sua.
Daqui a alguns séculos nossa cultura também será considerada como ignorante. Aquele povo que acreditava em um Deus porque estava escrito em um livro de fonte duvidosa? Bando de ignorantes!
avatar
Nato em 16 de dezembro de 2011 às 22:15:23»
"Isso? Você provavelmente é cristão, porque a cultura imbecil de parar para sofrer pelo morto tem que ser respeitada? O seu patrão é obrigado a te dar um tempo de luto, mesmo que ele não crê nas mesmas coisas, muitas culturas dão festas nos velórios, porque ele tem que respeitar a sua?

Tem cada um aqui que vou falar, não tem nem motivo de ter um cérebro desenvolvido, já que não usa nem 0.5% da sua capacidade."

Se você fosse uma mulher dessa tribo e fosse obrigada a sofrer uma multilação a cada velório talvez sua opinião não fosse tão pseudo intelectual como a que tem agora. Todo o tipo de atrocidade pode ser perdoada se for uma "cultura"? Sua opinião "imparcial" se dá apenas porque não sofre por essa "cultura" maravilhosa que está supostamente defendendo. Por mim pode continuar com a sua inteligência superior Sr. Matheus Intelectualóide.
avatar
revolt4d4 em 16 de dezembro de 2011 às 17:06:26»
Bizarro.
avatar
clovis em 16 de dezembro de 2011 às 16:45:11»
Acho que um ex-presidente nosso que não vou citar, e´ adepto a essa cultura....
Matheus em 16 de dezembro de 2011 às 16:27:40»
"Não adianta, ninguém nunca vai me obrigar a respeitar uma cultura idiota como essa.

Tem certas coisas que tinham que acabar mesmo."

Isso? Você provavelmente é cristão, porque a cultura imbecil de parar para sofrer pelo morto tem que ser respeitada? O seu patrão é obrigado a te dar um tempo de luto, mesmo que ele não crê nas mesmas coisas, muitas culturas dão festas nos velórios, porque ele tem que respeitar a sua?

Tem cada um aqui que vou falar, não tem nem motivo de ter um cérebro desenvolvido, já que não usa nem 0.5% da sua capacidade.
Tyr. Pq o admin me cortou!!!!! em 16 de dezembro de 2011 às 15:55:57»
Mesmo sendo ácido, Pitralon, vc disse tudo!
avatar
De Maria em 16 de dezembro de 2011 às 15:32:23»
Meninas que haviam se relacionado com o morto tinham a parte superior de seus dedos cortados

Pedofilia?
avatar
Nato em 16 de dezembro de 2011 às 15:26:38»
Não adianta, ninguém nunca vai me obrigar a respeitar uma cultura idiota como essa.

Tem certas coisas que tinham que acabar mesmo.
avatar
Pitralon em 16 de dezembro de 2011 às 14:49:08»
Cultura é um conceito muito vasto e ambíguo. Prefiro conceber cultura como ato de valorização pessoal, de avanço civilizacional, ou de preservação de valores ancestrais. Valores e não bizarrias.
Se todos os povos fizessem questão de preservar as inúteis aberrações dos seus ancestrais, da forma como esta tribo faz, a humanidade ainda não tinha inventado a roda nem descoberto a utilidade do fogo.
Com todo o respeito que tenho por qualquer cultura, acho que esta "tradição" é lixo demente, inútil, que em nada contribui para a beleza do mundo nem para o avanço civilizacional. A "prosperidade" e o "conforto" que esta tribo usufrui é reflexo disso.
avatar
Confortably Numb em 16 de dezembro de 2011 às 14:47:21»
Gisuis eek
avatar
corvino em 16 de dezembro de 2011 às 14:14:58»
Tudo bem que cultura é cultura, mas tem algumas coisas que não deviam acontecer.
avatar
Politico Honesto em 16 de dezembro de 2011 às 14:06:29»
Cada cultura estranha.

Curta o MDig no Facebook