Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Luiz Felipe em 22 de março de 2012 às 09:08:33»
ps: se bem que as crianças já não confiavam nos pais de qualquer jeito, pelo menos não é mais a maldita TV que elas usam para saber das coisas. Nesse dia o mundo ficou um pouco melhor.
avatar
Luiz Felipe em 22 de março de 2012 às 09:07:56»
Certo, podem fechar as salas de aulas e colocar os professores para fazer artigos da Wikipedia.
avatar
Lucy em 21 de março de 2012 às 21:34:44»
Eu confio nos dois, se não tiver o google por perto as crianças seriam obrigadas a confiar nos pais então...
avatar
Leo Sllyver em 20 de março de 2012 às 08:11:45»
Bom, não dá para confiar nos meus pais pela falta de estudos deles... Eles não tiveram as mesmas chances que eu e também não tinham os mesmos interesses. Por isso, dependendo da informação que eu quero, procuro na internet mesmo!
Matheus em 19 de março de 2012 às 20:53:28»
Novidade nenhuma, meus pais ainda carregam uma grande carga religiosa, fruto das minhas avós, que não ficam mais de 5 minutos sem atribuir algo a deus, logo muita coisa é limitada.
Com meus 7 anos queria saber como o universo começou, a resposta para um religioso é clara e errônea, deus, como confiar em alguém com uma visão tão tendenciosa?

Nada mais do que seleção, aqueles que tem menos conhecimento e com fontes menos seguras a oferecer são ignorados.
avatar
revolt4d4 em 19 de março de 2012 às 19:24:13»
Não é surpresa, meu irmão mal sabe usar um dicionário. fool
avatar
Brazuka em 19 de março de 2012 às 16:42:21»
Eu também! redface redface redface redface
avatar
Politico Honesto em 19 de março de 2012 às 15:35:51»
Do jeito que as coisas "caminham", livros, jornais, revistas e outros impressos serão somente artigos de museu, dentro de algumas décadas.
Lúcifer em 19 de março de 2012 às 15:32:15»
Na minha época de escola, anos 90, o geito era se agarrá nas enciclopédias, e entregar os trabalhos datilografados, luxo que poucos tinham, e receber as provas mimeografadas, aahhh cheirinho de álcool,a professora fazendo as cópias e chapando a sala inteira....
avatar
Nato em 19 de março de 2012 às 15:26:25»
Tenho que admitir que faz anos que não uso um dicionário impresso nem enciclopédia. confused

Minha sobrinha de 13 anos até sabe o que é e tam dicionário que usa no colégio mas sem dúvida apela muito mais para o google e wikipédia para tirar dúvidos porque é muito mais cômodo. Compreensível a meu ver.
avatar
Politico Honesto em 19 de março de 2012 às 14:59:56»
Tem um lado bom: se a criança adquire, desde cedo, o hábito de pesquisar, fica menos dependente dos pais e menos preguiçosa – obviamente, quando a pesquisa é feita da forma "correta".
avatar
LukeSchimmel em 19 de março de 2012 às 14:51:47»
Quem vai perguntar aos limitados pais se tem a disposição todo o conhecimento humano condensado? '-'
avatar
Luiz Fernando Galiza em 19 de março de 2012 às 14:30:10»
Confio mais no google que em mim mesmo (¬L¬)............
avatar
Politico Honesto em 19 de março de 2012 às 13:46:07»
Futuro da humanidade.