Faça o seu comentário

:

:







Comentários

ingred em 22 de abril de 2014 às 14:18:07»
Eu estou fazendo uma pesquisa sobre orgânicos, e vi que os alimentos orgânicos são mais saudáveis devido a ausência de agrotóxicos.
thiago.curcio em 12 de setembro de 2012 às 07:44:53»
acho que nao é só o valor nutricional mais a contaminação por venenos.
Hugo Heggedorn em 11 de setembro de 2012 às 11:04:47»
De boa? Nem li...
Jota Tedesco em 08 de setembro de 2012 às 16:52:03»
Pode ser bobagem para você que quer vender a moda de um produto saudável que indicam que não é.

Não tem problema escolher uma linha de pesquisa, o problema reside em criticar uma sem provas. O problema surge quando desmerece um estudo como se tivesse alguma autoridade para fazê-lo. Isso se chama hipocrisia ideológica.

De novo a história das empresas malvadas como a Monsanto: quando falta argumento sempre apelam para a mesma coisa.

Se é só uma suposição deveria manté-la no fértil terreno das conspirações que nunca podem provar.

Bla bla bla ecologia bla bla bla... A pesquisa não diz que os alimentos normais são ecologicamente mais corretos que os orgânicos, diz que o orgânico não é mais saudável que o normal. Prove ao contrário com dados científicos ou durma com isso. Não apele para um argumento que não é questionado para provar uma teoria.

O ser humano não chegou a uma expectativa de vida de 80 anos por causa de produtos bichados, isso é um fato. Temos que rever os conceitos sobre o que é agrotóxico e parar de posar de revoltadinho com o sistema. A minha opinião é que devem fazer mais pesquisas sobre os efeitos dos não-orgânicos vs orgânicos.

Repito: falar demais é fácil, falta provar.
Apenas um estudante em 08 de setembro de 2012 às 11:19:26»
Jota...
eu sou assim apenas um estudante
mas ter uma opinião crítica a respeito de orgânicos, que não tem diferença significativa com alimentos convencionais é bobagem

Muitos pesquisadores, independente da universidade tem a liberdade de escolher sua linha de pesquisa, projeto, artigos e afins.

Muitas universidades tem parcerias com empresas, seja para teste de eficácia de algum produto, ou financiamento de pesquisas... enfim isso é bastante comum

agora você acha que com o faturamento de Bilhões em venda de agrotóxicos de empresas como Monsanto Bayer Syngenta, vocês acham que eles não teriam uma % de dinheiro pra financiar pesquisa de seu interesse?

é só uma suposição... mas dúvido muito que essas empresas não estão agindo contra um mercado que está em alta e que NÃO usam seus produtos

Você falou que esses produtos não eram vendidos nem na xepa
Mas é claro que não
a Lei de Orgânicos e a certificação de produtos são coisas relativamente novas

Antigamente, que vantagem daria para o produtor vender um tomate orgânico? Ninguém saberia reconhecer se aquele tomate foi devidamente produzido e nem os benefícios que podem trazer, para isso existe a certificação, onde comprava que aquele tomate foi produzido seguindo rigorosos critérios. E é claro, isso serve como marketing do produto, que é tão comum também em outras centenas de empresas que investe em alguma Certificação para ter o selo de produto sustentável e afins, assim como as ISOs.

E ia explicar o porque do fato de ser mais saudável, mas to sem saco, porque como falei antes, o orgânico deve considerar o sistema de produção como um todo, tanto insumos como sementes como o manejo deve ser considerado com um todo. Um fator influencia no outro. Então não tem uma receita de bolo para fazer o certo, cada produtor em cada ano vai aprendendo mais um pouco.

No convencional, eles não conseguem manter esse equilibro, só pelo simples fato de com o uso de algum produto químico, por exemplo um inseticida para combater uma praga, vai causar um dano na cadeia biológica irreversível. No começo tudo bem, mas com o uso abusivo vai cada vez mais causa desequilibro, mais especies e microrganismos benéficos ao solo e planta vão desaparecendo, assim como inimigos naturais das pragas agrícolas também vão sumindo.

Enfim
chega
Jota Tedesco em 07 de setembro de 2012 às 21:29:58»
Estes comentários são a melhor parte do MDIG. Alguém mais consegue notar a ironia de um confuso estudante de agro tentando desmerecer a pesquisa de uma respeitada corporação de ensino? smile

Lembram que estes produtos não eram vendidos nem na hora da xepa e agora ganharam uma falsa aura de saudáveis e sustentáveis, outra mentira deslavada.

O Admin até foi bastante coerente com a fonte do estudo, pois a maioria dos sites publicam manchetes que os "produtos orgânicos não são mais saudáveis": http://www.telegraph.co.uk/health/healthnews/9517246/Organic-food-is-not-healthier.html

Resta aos defensores da moda da alimentação correta fazer uma pesquisa que comprove o que dizem. Falar demais é fácil, falta provar.
Janaína em 07 de setembro de 2012 às 19:43:32»
V O velho e ridículo argumento de autoridade. Se um país que leva a tecnologia a sério publica um estudo como citado no texto, imaginem só um país que basta pagar para se ter o que quer?
A sua irmã em 07 de setembro de 2012 às 19:38:37»
Pensava que o beneficio estava no fato de os organicos náo terem agrotoxicos e nao pelo fato de serem mais nutritivos....
Apenas um estudante em 07 de setembro de 2012 às 13:35:57»
Acredito que vocês estejam um pouco equivocados, você cita que "orgânicos são ilusão" , mas tá faltando muita informação e "poréns" ai. Li todos os tópicos que o tal do Politico Honesto mostrou e acredito que esses posts contra orgânicos são bem dissimulados mostrando uma opinião bem IMPARCIAL contra os orgânicos...

Não sei como funciona nos países estrangeiros onde vocês estão "denunciando" nesses artigos das "grandes coorporações" que maculam produtos orgânicos com substâncias cancerígenas

Isso tudo é uma grande bobagem que você deu control c e control v aqui sem verificar a veracidade dessas fontes

como estudante de agronomia eu estudo muito a tal da agroecologia, onde engloba a produção orgânica

Eu entendo essa revoltinha pessoal pelo alimento ser mais caro do que o convencional, mas no entanto, o alimento orgânico não é mais caro pelo simples fato de ser mais saúdavel, mas ainda temos pouco produtores, então a demanda é grande mas tem-se ainda pouca oferta. Então É LOGICO que vai ser mais caro

Outro fator é que para se instalar a produção orgânica, com a certificação, tem que seguir rigorosíssimos processos e ai então vai ser feito uma auditoria na propriedade e só depois sai a certificação... tudo isso vai muito dinheiro e investimento.

Poucos médios e pequenos produtores tem condições de entrar nesse negócio, mas no Brasil felizmente tem um sistema que engloba pequenos produtores, eles podem se unir e vender seus produtos orgânicos inclusive em feiras, onde não precisa tanto dinheiro pra certificar seus produtos.

Agora o fator nutricional
Isso é muito relativo
É duro explicar como funciona a nutrição de uma planta por aqui
Mas isso engloba diversos fatores
O alimento orgânico é COM CERTEZA mais saudavel, pelo fato de considerar a produção toda com um sistema. Ou seja, ela engloba todos os fatores que podem influenciar naquele produto, deixando o sistema em equilibro, como se fosse em algum ambiente natural. E esse é a grande diferença da produção orgânica. Pode-se dizer que é meio de produção mais SUSTENTÁVEL que se tem.

Portanto a produção orgânica, OBRIGA o produtor a manter o sistema em equilibrio. Existe assistencia técnica, mas é muito pouco, assim como pesquisas que auxiliam esse manejo ecologico da produção orgânica. Portanto cada produtor tem que descobrir de uma maneira ecológica como combater tal doença e tal praga...

Então o produto orgânico, mesmo estando certificado, vai haver uma diferença de um lugar para o outro
Entendam que o fator nutricional do alimento é influenciado pela quantidade de água absorvida pela planta, pelos microorganismos do solo, pelo clima, pelo adubo fornecido, vai haver diferença de uma fazenda para outra com certeza

Na agricultura convencional, onde o produtor visa a quantidade de produção e não a qualidade de produção, ele usufrui de DEFENSIVOS e Fertilizantes Industriais, que facilitam e muito a vida e reduz o trabalho, sem dúvida, mas acontece que 90% dos produtores abusam e usam os agrotóxicos sem seguir os critérios corretamente, juntando esse fato com a falta de fiscalização do governo, ocorrendo o uso abusivo de agroquímicos causando todo esse problema de resíduos na alimentação, no ambiente e nos nossos próprios organismos

eu fui escrevendo sem organizar muito as idéias
Mas a produção orgânica é muito mais complexa que a produção convencional... Lógico que tem gente que lucra com isso, lógico que vai ter empresas com interesse na pouca oferta de mercado e inflacionar esses produtos... Isso é em todo setor de produção e não só na produção de alimentos
Até mesmo há quem diga que o processo de certificação rola $ por trás

Mas já tive a felicidade de visitar fazendas tradicionais com produção orgânica
E a coisa funciona
É muito prazeroso ver o solo bem estruturado, sem uso de fertilizantes e uma planta saudavel, sem doenças e portanto sem a necessidade do uso de agrotóxicos, o sistema em equilibro, é isso oq importa na produção orgânica

Agora vim um fdp vir falar que a unica diferença de orgânico é que não tem agrotóxico
tem amarrar e arrastar um cara desse no asfalto

É muita critica mas com pouca informação

Fiquem esperto com artigos publicados em paises estrangeiros
A produção orgânica é a que mais cresce na agricultura e pelo fato de não usar defensivos de GRANDES EMPRESAS. Essas com certeza vão fazer uma propaganda negativa desses produtos. FIQUEM ESPERTO E VEJAM o outro lado antes de sairem falando abobrinhas por ai
avatar
Luiz Felipe em 07 de setembro de 2012 às 11:56:46»
Eu tenho raiva dessa ignorancia. Essa idéia de organico é a maior furada por culpa das proprias pessoas. Me desculpe, mas quem paga mais caro por isso, tem que se fuder mesmo.
Nem tudo que é natural (esse é o termo correto, ao inves de organico) é bom, preciso citar a maconha e o ópio. E nem tudo que é artificial (industrializado) é ruim.
Se as pessoas fossem razoaveis, reclamariam e forçariam o governo a controlar melhor seus orgãos fiscalizadores e a obrigar que produtos seguros e devidamente testados somente sejam destinados ao consumo, independente de ser produtos naturais ou não.
Ou alguem aqui pensa que chá de babosa organico faz bem para a saude ?. Talvez somente se for ministrado com homeopatia.
avatar
Politico Honesto em 06 de setembro de 2012 às 23:06:54»
O comentário do Luiz Felipe é a "explicação" do meu neste post: http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=25518

Nutrientes são elementos ou compostos necessários ao metabolismo e, por conseguinte, ao funcionamento normal dos sistemas orgânicos (muita gente confunde alimento com nutriente).

O adjetivo "saudável", no começo, referia-se a alimentos que traziam benefícios à saúde - o fornecimento de nutrientes e até suplementos. Hoje, após o emprego de agrotóxicos e a quantidade cada vez maior de substâncias que oferecem algum risco - por menor que seja - ao organismo, o adjetivo "saudável" resumiu-se à ideia de não fazer mal ou ser o menos prejudicial possível à saúde.
bestfx em 06 de setembro de 2012 às 19:23:12»
Deixa eu ver se entendi.

No organico o agricultor não gasta um centavo com a compra de carrisimos agrotóxicos e adubos e depois vende aquele produto bixado três vezes mais caro ?
avatar
Luiz Felipe em 06 de setembro de 2012 às 19:02:46»
Não entendo a diferença entre alimentos organicos e alimentos "normais", ou convencionais. os alimentos "normais" não são feitos de carbono? eles são feitos de arsenico?
Todos alimentos são organicos, obvio que não há diferenças nutritivas.
Joaquim em 06 de setembro de 2012 às 18:01:10»
Claro que não são, e nem é esse o propósito da sua existência.

Isso é um fruto de um mal entendimento comparável à confusão entre efeito estufa e aquecimento global.

Alimentos orgânicos não utilizam agrotóxicos, e só.
avatar
phil em 06 de setembro de 2012 às 15:47:52»
heros- Só se vc pensar que saúde diz respeito apenas a nutrição
heros em 06 de setembro de 2012 às 15:33:05»
Se nao apresentam diferença nutricional, sao tao saudaveis quanto o outro
heros em 06 de setembro de 2012 às 15:27:45»
Os organicos nem respeitam tanto o meio ambiente nem sao auto-sustentaveis como vendem. Algum tempo atras um estudo demosntrou que a agricultura organica exige muito mais da terra e de agua e sua produção não rende muito em relação a normal.
avatar
Politico Honesto em 06 de setembro de 2012 às 15:17:38»
http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=7161
avatar
MoonRa em 06 de setembro de 2012 às 15:16:10»
Mas os princípios do alimento orgânico são a utilização de técnicas que respeitem o meio ambiente, e a não utilização de agrotóxicos...

Nunca vi alguém dizer que alimentos orgânicos fossem mais nutritivos, apenas mais SAUDÁVEIS. E isso é uma grande verdade.
avatar
revolt4d4 em 06 de setembro de 2012 às 15:03:00»
Não é novidade.