Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Admin em 03 de abril de 2013 às 18:36:20»
Sim Moon, isso é feito através de um arquivo chamado .htaccess, que permite bloquear mostrando ou não uma imagem, com marca d'água ou alguma sacanagem como um toroço ou um peru.

El alguns casos, como em roubo de scripts, animações e folhas de estilo, também é possível disparar um scriopt e tomar todo o tráfego do engraçadinho.

Eu mantenho desbloqueados porque a maioria dos hotlinks não constituem muito tráfego, mas quando neguinho começa a colar posts inteiros do MDig no Facebook, a coisa muda de figura. Tem muitas imagens da semana que tem mais likes no FB do que no MDig e isso aí já é muita sacanagem.

Abraços fraternos.
avatar
Moonwalker em 03 de abril de 2013 às 16:54:29»
O e-zap tem uma pequena proteção contra hotlink... Se você tentar fazer isso, a imagem vai aparecer incoberta por uma marca d'agua enorme indicando o site original. Seu que parece efedepetice, mas foi o único jeito que achamos de resolver sem bloquear. Mas o bloqueio é uma boa opção também.
avatar
Moonwalker em 03 de abril de 2013 às 16:50:12»
Só sei que o LuisãoCS parece o Floriano Peixoto (ator), e o Admin parece tipo um garoto propaganda de um folder de empréstimos daqui da cidade... (não achei imagem)
E de quebra são a mesma pessoa!
avatar
Redação em 03 de abril de 2013 às 12:41:26»
Me desculpe Sylvinha, o IP que está usando é de uma faixa bloqueada pelo Spamhaus. Mas ainda assim penso que dizer que alguns religiosos são hipócritas é bem diferende de dizer que os religiosos são um bando de hipócritas. A primeira proposição carrega uma verdade absoluta; a segunda, relativa e insultuosa.

Me desculpe novamente.

Abraços fraternos.
Sylvinha em 03 de abril de 2013 às 12:05:35»
Fui eu que escrevi o comentário Admin e não penso que merecia ser apagado. Só comentei a hipocrisia de alguns religiosos que ligam e desligam sua crença quando isso é conveniente. Foi só isso rssss...
avatar
Admin em 03 de abril de 2013 às 08:53:22»
Nenhum problema no servidor Moon, o problema é que o MDig está sendo linkado pelo Reedit, Pinterest e Facebook junto e ao mesmo tempo no post de lugares abandonados. Alem do mais o site vem servindo números milionários de hotlink de imagens, o que talvez me obrigue a trancá-las de novo.
avatar
Moonwalker em 02 de abril de 2013 às 23:10:54»
A propósito, ser santo não é nada além de ser puro, irrepreensível. Então eu acho que mesmo sendo ateu, está aí uma coisa legal para alguém ser.
avatar
Moonwalker em 02 de abril de 2013 às 23:00:45»
RogerLaz, não estava falando de você não, meu filho. De fato, nem sabia que este nick existia. Sério!
Eu acho que todo mundo é livre para dar a sua opinião, ainda que contrarie a minha. É de esperar, claro, em retribuição, que eu me sinta livre para contrariar a dos outros. De qualquer forma, vá dormir tranquilo, porque além de - como eu já disse - não ter me referido a você, meu comentário não foi desrespeitoso. wink
Ah, Luisão... já que você está por aqui, eu não sei se aconteceu com os outros usuários, mas aqui o MDIG está bastante instável. Páginas demorando para carregar e imagens que não carregam...
RogerLaz em 02 de abril de 2013 às 22:09:41»
Ah eu não quero discutir, só que depois do que você falou lá no post da frase, acho estranho sua condenação ao ateísta que quer dar sua opinião na internet, principalmente vindo de você. Bem... é isso!
RogerLaz em 02 de abril de 2013 às 22:00:51»
Sem contar os lábios que oram na igreja e depois fofocam sobre a roupa que fulana estava usando. Sem contar as mãos que doam o dizimo e depois se fecham para cumprimentar o vizinho pobre ou para dar um copo de água.

Moonwalker como esta última frase foi dirigida a mim, devo lembrar uma diferencinha básica: quem digita filosofia ateísta na internet não tem pretensão de sentir-se santificado pelo que está fazendo, ao contrário de quem está orando.
avatar
Politico Honesto em 02 de abril de 2013 às 21:26:17»
"Se quiser fazer a diferença, corra atrás; não espere que terceiros o façam e, muito menos, que caia do céu."
Edgar Rocha em 02 de abril de 2013 às 21:18:25»
Valeu. É que sei que sou prolixo. Tento maneirar mas enfim... vício. além da chatice de ser inseguro. Uma merda.
avatar
Redação em 02 de abril de 2013 às 21:02:54»
Lógico que não Edgar, fica sossegado!. O problema é com algumas pessoas registradas que usam um proxy para comentar anonimamente e com um nick diferente, só para arrumar confusão, somente para trollar.

Tais comentários dos alteregos Oswaldo, Joaõ e Sylvinha já foram apagados, apesar de que exista uma Sylvinha que comenta regularmente sem criar caso.

Abraços fraternos.
Edgar Rocha em 02 de abril de 2013 às 20:45:11»
Admin, desculpa se pareço inseguro, mas sou inseguro mesmo. O que escrevi foi uma reflexão. Não me proponho a incitar discussões, senão dialogar com a opinião alheia. No caso aqui, o que escrevi concorda em gênero, número e grau com o post. Quis só lembrar que já foi assim a vida, muito mais do que esta é hoje. A gente fica meio inseguro quando escuto um esporro destes. É comigo? Porque não vi discussão nenhuma por aqui até agora. Só pontos de vista. Daria pra ser mais claro? Assim a gente toma mais cuidado quanto a proposta do site. Enfim, foi comigo a bronca?
avatar
Redação em 02 de abril de 2013 às 20:33:52»
Tá enchendo o saco esta manai de usar proxy só para semear discussão. Se continuar com esta babaquice, vou ser obrigado a trancar os comentários.
avatar
Moonwalker em 02 de abril de 2013 às 17:59:35»
Sim, inclusive isso harmoniza-se com a Bíblia: a fé sem obras está morta.
Este mês fiz um trabalho voluntário (sim, admito que viajei primeiro) e posso dizer que ajudar aos outros é muito gratificante. Ainda que alguém possa dizer que é plenamente possível ajudar sem acreditar em Deus, vale lembrar a estes que "As mãos que ajudam os necessitados são mais santas do que as mãos que digitam filosofia ateísta na internet". Não custa lembrar.
avatar
Brazuka em 02 de abril de 2013 às 14:36:56»
O Poder da Oração

Oração, a gente vive e não fala
E até por isto, diante do maior insulto até se cala,
Pois a ninguém precisa provar nada
Visto que a Caridade até se faz de maneira velada.

Pois Nosso Senhor quer ação!

Não, soberba de hipócrita santidade
De gente sem noção
Que ao se achar de todo sem Razão
Por barganhas terrenas perde até sua sã dignidade.
avatar
Politico Honesto em 02 de abril de 2013 às 14:09:22»
Pronto. Lá vamos nós.
avatar
Angelina em 02 de abril de 2013 às 13:07:40»
Ai, essa música é tão repetitiva e bonitinha.

A frase me lembra um livrinho: ''Quando só resta o demônio''.
Que, quando Deus não atende suas orações, só resta o demônio.
Edgar Rocha em 02 de abril de 2013 às 12:46:51»
Já conhecia o video. É muito bonito mesmo. Orar, ajudar...

Ora, não faz diferença pra quem recebe, se o que recebe é de coração, é preenchido com um sentimento de irmandade, de fraternidade (lembram desta palavra? Era o lema há alguns anos atrás). Uma coisa gerava outra: o ajudado era convidado da festa e amigo no mesmo nível de quem ajuda. O agradecimento (graça) era concedido ao que dava e recebia. E quem recebia não se vitimava. Botava a mão na massa e se sentia parte da alegria do outro, do próximo a ser ajudado por ele... continuava. E a oração era importante. Não a oração vazia, repetida e piegas. A oração vinda do sentimento, cantando loas ou rock, era a mesma coisa. Onde foi parar esta magia evocada por este vídeo? Já começaram os insultos: Madre Tereza, hipócrita, falso! Ninguém acredita mais... ou tem medo de acreditar a cair na real, entender o que estava perdendo durante todo este tempo, ganhando dinheiro, se vestindo pra impressionar, flutuando sobre a vida como o dono do mundo, crente de que tudo é uma merda equivalente à que carrega dentro de si! Quem é o hipócrita?! Porque, sentir o outro, dói, cair na real dói, sofrer a dor do outro e aprender a importância destas coisas, dói. Dói, dói, dói... E dói mais ainda saber que não deixou doer. O lugar da dor apodrece e você não sentiu nada. É este pesar a maior das dores. O resto, é vida. Mas, vida á alegria, não felicidade. É doer e se mexer pra fazer parar... e sorrir enquanto cura, a tua dor e a do outro. E quando passa, é pra sempre. Cuidamos então da nova dor, até curar de novo. É a vida... o resto é êxtase (a droga), um baseado, uma pequena dose de felicidade analgésica. O que estão perdendo? Tudo! Dói mais saber disto.
avatar
msp1500 em 02 de abril de 2013 às 12:35:23»
Verdade. Nem sempre a oração resolve.
avatar
Politico Honesto em 02 de abril de 2013 às 12:07:32»
A frase admite um duplo sentido, que cairia como uma "luva", em determinados casos.
avatar
revolt4d4 em 02 de abril de 2013 às 11:38:49»
Eles sabem, mas fazem bico.
avatar
Politico Honesto em 02 de abril de 2013 às 11:27:31»
Melhor não explicar o significado da frase.