Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Mayh em 30 de maio de 2008 às 20:23:11»
A reaus mesmo é
Fazer merdah ... Prá adubar a vidahh!!
uishiuahsuiahsiuhas³

biggrin fool
avatar
Dentark em 29 de maio de 2008 às 15:47:33»
william e parente dele pa tar tão zangado rsrsrs twisted
leonardo em 29 de maio de 2008 às 06:24:18»
Interessante, tem um livro que fala sobre isso:
Procura na livraria "Breve história de quase tudo", escrito por Bill Bryson. Para quem gosta de ciência, o livro é ótimo. Tem de tudo um pouco: astronomia, física, química, arqueologia, geologia, histórias sobre os fatos importantes para a ciência, etc.

E a lista da bibliografia é enorme, o autor teve que pesquisar muito para poder escrever o livro de maneira clara e divertida. Estou fazendo toda essa "propaganda" do livro, porque certamente será muito instrutivo para qualquer pessoa que o ler.

Espera aí, vou pegar o livro...
Voltei, é no capítulo dez, "A ameça do chumbo".
É interessante que um pesquisador chamado Clay Petterson estava tentando medir a idade da terra usando um novo método: Como o urânio se transforma em chumbo com o tempo, ele criou uma maneira de usar esse fato para calcular a idade da terra. Mas todas as suas amostras estavam contaminas com o chumbo da atmosfera (200x mais do que o esperado). Assim começou a sua luta para banir o etil da terra. Ele foi muito perseguido por causa disso. Mas, no final, ele mostrou que estava certo. Só pra ter idéia, quando o etil foi proibido nos Estados Unidos, em 1986, os níveis de chumbo no sangue dos norte americanos cairam em 80%. Mas o chumbo fica para sempre no sangue, e quem está vivo hoje posui 625 vezes mais chumbo no sangue do que a população de um século atrás. Assustador!

É isso. Leiam o livro para ver a história completa.
avatar
Mymi Angel em 28 de maio de 2008 às 01:54:59»
fool fool fool
avatar
Mih em 27 de maio de 2008 às 20:39:40»
O pior das coisas,é que o ser humano primeiro
tem que fazer merda,pra depois aprender...!!É sempre
assim,será que não vai mudar nunca?!!
Credu...!! eek
avatar
negresco em 27 de maio de 2008 às 18:33:17»
tem gente ja nasceu pra destruir msm...

tipo como uma maldição
Gih#) em 27 de maio de 2008 às 18:28:19»
ahh que doidera!!
Edilson em 27 de maio de 2008 às 16:35:32»
Acho que o nome desse site foi tirado do nome desse sujeito... kkkk
SamuelC em 27 de maio de 2008 às 09:18:07»
Se não fosse ele, seria outro atendento às exigências do mercado.
avatar
william em 27 de maio de 2008 às 09:05:10»
POIS BEM !! QUANDO O CIDADAO RESOLVEU O PROBLEMA DE MUITA GENTE TODO MUNDO APLAUDIU,,PORTANTO,,QUE A TECNOLOGIA DE HOJE SE VIRE E PROCURE SOLUCIONAR O EMBROGLIO,,,OU SERA QUE QUE VOCES PENSAM QUE MUITAS INVENCOES DE HOJE NAO IRAO CAUSAR TRANSTORNOS NO FUTURO????
lauro em 26 de maio de 2008 às 23:38:49»
haaaaaaaaaa!!!!!!!! Então é por causa desse chumbo aí na gasolina que eu fico p..da vida no trânsito!!!
avatar
binho em 26 de maio de 2008 às 21:48:58»
Na estratosfera, a radiação UV de alta energia ocasiona a fotodecomposição das moléculas de CFCs liberando átomos de cloro que é um poderoso catalisador da destruição do ozônio. Inicialmente os átomos de cloro livres, reagem com compostos instáveis contendo oxigênio, como exemplo o ozônio, formando monóxido de cloro (ClO).

Ex.:
.Cl + O3(g) --> -- ClO(g) + O2(g)
O monóxido de cloro reage com átomos de oxigênio, produzindo moléculas de O2 e novamente, átomos de cloro. O átomo de cloro regenerado inicia um novo ciclo de destruição, portanto, um único átomo de cloro pode ser capaz de destruir até cem mil moléculas de ozônio.

Ex.:
.ClO(g) + O --> Cl + O2(g) .
avatar
binho em 26 de maio de 2008 às 21:48:29»
Pitaco do binho

Na estratosfera, a radiação UV de alta energia ocasiona a fotodecomposição das moléculas de CFCs liberando átomos de cloro que é um poderoso catalisador da destruição do ozônio. Inicialmente os átomos de cloro livres, reagem com compostos instáveis contendo oxigênio, como exemplo o ozônio, formando monóxido de cloro (ClO).

Ex.:
.Cl + O3(g) --> -- ClO(g) + O2(g)
O monóxido de cloro reage com átomos de oxigênio, produzindo moléculas de O2 e novamente, átomos de cloro. O átomo de cloro regenerado inicia um novo ciclo de destruição, portanto, um único átomo de cloro pode ser capaz de destruir até cem mil moléculas de ozônio.

Ex.:
.ClO(g) + O --> Cl + O2(g) .
avatar
Kodomo em 26 de maio de 2008 às 20:31:21»
Apesar das consequencias desastrosas...O cara é um gênio!! lol sha
Galego em 26 de maio de 2008 às 19:55:03»
Gênio!
avatar
IgorxD em 26 de maio de 2008 às 18:52:29»
COLOCA ESSA BARRA DE ATALHOS DO SITE (EM COR DE LARANJA DO LADO DA TELA) DO LADO Q TAVA ANTES. SE FOREM TODOS DE ACORDO...EH CLARO. NA MINHA OPINIÃO TAVA BEM MELHOR ANTES.
minguiling em 26 de maio de 2008 às 18:21:42»
Todos nós somos vítimas ma
avatar
diessica em 26 de maio de 2008 às 16:51:15»
pelo menos ele tentava corrigir seus erros
biggrin
avatar
wdark em 26 de maio de 2008 às 16:32:48»
Não e retardado é evolução zé mané twisted
Aline em 26 de maio de 2008 às 16:19:12»
Primeira!!!! redface