Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Dominique em 24 de outubro de 2013 às 22:33:53»
A meu ver, tudo isso é vontade de chamar atenção.
elias em 24 de outubro de 2013 às 12:29:19»
vejam só uma coisa ela ( ou ele) é bem versátil agrada mulheres e homens. para agradar os homens é só rapar a barba e para agradar as mulheres é só mostrar aquilo que restou de sua masculinidade kkkkkkkkkkkk
avatar
revolt4d4 em 22 de outubro de 2013 às 18:21:35»
Esquisito, mas está certo.
Engraçado que o outro post tem uma visão do público totalmente diferente.
11ana11 em 22 de outubro de 2013 às 14:43:14»
Nossa! Ele é lindo e tem um tremenda personalidade.
A voz é mágica. Ouvi algumas musicas e sei que ele não vai parar por ai. Ele escolheu estar assim e eu admiro a coragem dele.
Dizer que ele não canta bem, ai já é absurdo pq mesmo os que não querem que ele participe como representante da Áustria concordam com a bela voz mas não o querem pela razão de ele não ser profissional (é vitrinista) e por homofobia.
avatar
Haiduqque em 22 de outubro de 2013 às 14:07:49»
Há uns tempos o MDig publicou um post sobre o que as pessoas à beira de morrer mais se arrependiam de não ter feito no curso da sua vida. Em primeiro vinha o ter vivido sempre em função da expetativa dos outros e não segundo os desejos próprios.
O direito à diferença é inquestionável. Cada um tem o direito a ser diferente com a diferença que mais lhe interesse e os que ultrapassam a barreira social para viver essa diferença, têm o seu devido valor. Afinal a Natureza sempre utilizou as diferenças para que haja adaptabilidade ao meio. Depois o "diferente", ou evolui ou morre. Na maior parte das vezes não faz história...
(os criacionistas, não acreditando nestas coisas, podem apenas utilizar o exemplo das raças de cães e porque elas existem)
Quanto a este caso em particular, penso que há uma simbiose: havendo milhões de humanos com talento canoro, a "diferença" da Conchita é notada e, logo, a sua voz ouvida. Por outro lado, o marketing dos shows quer sempre algo de novo e desta vez tem. A TV da Áustria será alvo de atenção, não por causa da qualidade de uma melodia, mas por causa da qualidade de uma barba.
avatar
Elbereth em 22 de outubro de 2013 às 11:29:02»
Admiro a coragem dele. Dela. Enfim.

Mas, na verdade, não gostei tanto da afinação e da voz.

E, ele... ela... enfim. Tem razão, né? Não está prejudicando ninguém, então que seja como for feliz, por mais estranho que nos pareça.
avatar
Politico Honesto em 22 de outubro de 2013 às 10:35:42»
Mas hein?