Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
PadreTorque em 31 de dezembro de 2014 às 11:33:59»
Vou comentar o nível de criminalidade daqui da minha cidade:
Fim de semana desses, fazendo limpeza na casa, deixei o Note tocando música, numa mesa, no pátio.
Parei um pouco, de tarde, pra descansar, fui no mercado, demorei uns 15, 20 minutos, voltei pra casa.
O Note estava no mesmo lugar, encima da mesa, tocando uma musiquinha, no pátio.
E o muro de casa tem 50 cm de altura, sem grades...
:-/
zé rosquinha em 20 de novembro de 2014 às 17:05:25»
Sabia que o Brasil ia estar lá, mas não tanto.
avatar
LukeSchimmel em 15 de novembro de 2014 às 16:22:41»
Capitais ficam em menor posição porque geralmente tem mais pessoas.
Segundo a Veja, a lista é:
Natal RN - 456 homicídios, 55,8 por 100.000 habitantes.
Belo Horizonte MG - 973 homicídios, 40,6 por 100.000 habitantes.
Curitiba PR - 743 homicídios, 41,8 por 100.000 habitantes.
Manaus AM - 1052 homicídios, 56,5 por 100.000 habitantes.
São Luís MA - 651 homicídios, 62,6 por 100.000 habitantes.
Belém PA - 643 homicídios, 45,6 por 100.000 habitantes.
Salvador BA - 1644 homicídios, 60,5 por 100.000 habitantes.
Porto Alegre RS - 601 homicídios, 42,4 por 100.000 habitantes.
Porto Velho RO - 198 homicídios, 44,7 por 100.000 habitantes.
Recife PE - 809 homicídios, 52,0 por 100.00 habitantes.
João Pessoa PB - 568 homicídios, 76,5 por 100.000 habitantes.
Maceió AL - 858 homicídios, 90,0 por 100.000 habitantes.
Vitória ES - 191 homicídios, 57,3 por 100.000 habitantes.
Teresina PI - 341 homicídios, 41,1 por 100.000 habitantes.
Fortaleza CE - 1920 homicídios, 76,8 por 100.000 habitantes.
Aracaju SE - 351 homicídios, 59,7 por 100.000 habitantes.
Cuiabá MT - 247 homicídios, 44 por 100.000 habitantes.
Goiânia GO - 739 homicídios, 55,4 por 100.000 habitantes.
Brasília - 1031 homicídios, 38,9 por 100.000 habitantes.

Com a absência de Florianópolis (que não é tão violenta se comparada a outras, por isso abaixo dos 500) e Rio de Janeiro e São Paulo (por que possuem números de habitantes extremamente altos), tive que buscar outras fontes. Rio Branco do Acre, Macapá do Amapá, Palmas do Tocantins, Boa Vista de Roraima, Campo Grande do Mato Grosso do Sul estão ausentes entre as 500 mais violentas.

Segundo outras fontes, no mesmo ano:
Florianópolis SC - 65 homicídios, 15,0 por 100.000 habitantes.
Rio Branco AC - 115 homicídios, 33,0 por 100.000 habitantes.
Macapá AP - 153 homicídios, 36,8 por 100.000 habitantes.
Campo Grande MS - 182 homicídios, 22,6 por 100.000 habitantes.
Rio de Janeiro RJ - 1372 homicídios, 21,5 por 100.000 habitantes.
Boa Vista RR - 83 homicídios, 27,6 por 100.000 habitantes.
São Paulo SP - 1752 homicídios, 15,6 por 100.000 habitantes.

Então, vale a pena mostrar que ainda que se matem muito mais pessoas em São Paulo que na maioria das outras capitais, exceto por Fortaleza, o grande número de pessoas faz com que fique em segundo lugar, apenas atrás da capital catarina, que possui a menor taxa de homicídio tanto em número absoluto quanto em centena de milhar.

Em outro ponto, vale mostrar destaque aos estados Santa Catarina, Maranhão, Piaui e Bahia que no ano de 2000 possuíam a taxa de homicídio por 100.000 considerada civilizada mas nesta década cresceu.

(Detalhe, os números são de 2012)
avatar
LukeSchimmel em 15 de novembro de 2014 às 15:02:03»
Sol, o pior é que está aumentando o numero, ao invés de reduzir. Desde o ano passado, incidência de crimes subiu mais de 10% segundo o Gazeta do Povo.
Rogério em 15 de novembro de 2014 às 11:41:41»
a violência faz parte do ser humano, mas o problema é quando ela passa a fazer parte do dia dia e torna-se algo normal, como citado nos comentários abaixo. Da mesma forma q a corrupção é uma violência, vamos nos acostumando, e atos q antes seriam vistos como impensáveis ou intoleráveis tornam-se aceitáveis...
Rogério em 15 de novembro de 2014 às 11:36:51»
olha, o único denominador comum é corrupção, pobreza e falta de educação de base. Em uma sociedade desorganizada e injusta, a violência é a única forma q as pessoas encontram para tentar sair daquela situação de pobreza, por isto a importância da educação. Conversando com um gari que varre as ruas aqui de Curitiba, ele me disse que votou na Dilma e espera que agora as coisas melhorem... é possível culpá-lo? não... mas é assim q governos populistas se mantem no poder, através de ameaças disfarçadas ou explicitas, culpando os ricos, grandes organizações ou até outros países pela própria incompetência e descaso, esse é o mal da corrupção. O povo sem opção só pode acreditar...
avatar
holyghost em 15 de novembro de 2014 às 09:21:48»
no globo aparece a lista com dados de 2012 com as cidades brasileiras na mesma colocação da lista aí de cima.
sem são paulo e rio....mistério....
http://oglobo.globo.com/brasil/brasil-tem-11-das-30-cidades-mais-violentas-do-mundo-diz-onu-12151395
avatar
holyghost em 15 de novembro de 2014 às 09:13:48»
na relação da exame caracarai/ Rr exibe uma tx de 210 com dados de 2012.
http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/as-500-cidades-mais-violentas-do-brasil-versao-2014
Edgar Rocha em 15 de novembro de 2014 às 02:30:40»
Acho que a notoriedade da violência é que força os dados oficiais a serem mais próximos da realidade. Caso contrário, se bem camuflada, ninguém fica sabendo. Estas cidades mencionadas são aquelas que se encontram em estado de colapso social iminente ou deflagrado. É quando a coisa toda vira escândalo.

Esta é a única explicação para não ter São Paulo, por exemplo, entre as mais violentas do mundo. Índices são mascarados, critérios são duvidosos, até o momento a mídia consegue esconder e o povo está suficientemente amedrontado para não sair às ruas e exibir o estado real em que se encontra a cidade.
avatar
sol em 14 de novembro de 2014 às 23:10:02»
Curitiba está em 417° lugar entre as 500 cidades mais violentas do Brasil conforme o Mapa da Violência Jovens do Brasil da Flacso.org.
Eumesmo em 14 de novembro de 2014 às 22:12:57»
Cadê Curitiba? Os números podem não ser alarmantes, mas é uma cidade extremamente violenta insegura.
avatar
sol em 14 de novembro de 2014 às 19:29:56»
Li num artigo dias atrás que o Brasil tem mais de 50 mil casos de estupros por ano, 50 mil assassinatos e 50 mil mortes causadas por acidentes de trânsito.
Triste estatística.
Extraño ser em 14 de novembro de 2014 às 18:24:52»
Esperava mais África...
avatar
Haiduqque em 14 de novembro de 2014 às 17:42:03»
San Pedro Sula de novo em número 1.
Nessa cidade, o homicídio parece ser uma forma de relação pessoal tão normal quanto qualquer outra. Bom negócio para as funerárias... cool

Àparte o denominador comum geográfico, estas cidades são todas de religião cristã e as línguas faladas na maioria delas são o português e o castelhano. Haverá conclusões a retirar desta estatística?