Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
Roberto 100 em 03 de julho de 2015 às 19:17:45»
L!$@, Desculpe por demorar na resposta. Bom, acredito que o cerne do post, tanto quanto minhas ponderações não são referentes, necessariamente, a questão da legalização do casamento
entre homossexuais ocorridos nos USA - fato que mesmo tendo sido aprovado no Brasil a um bom tempo, ninguém deu menor significância.
O que quis expressar é justamente a relevância e dimensão que um tema pode tomar nas redes sociais como o Facebook e a influência que tal rede pode exercer sobre o indivíduo,
que a meu ver, não possibilita diálogos realmente eficazes, somente opiniões manipuladas e modismoso. Mas se quer saber se sou a favor ou contra a legalização? Bem, eu tenho mais com o que me preocupar,
pra mim esse assunto de ínfima significância em vista aos demais temas.
L!$@ em 02 de julho de 2015 às 01:07:03»
Roberto 100, traduzindo: Você não é a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo. Resta saber se por religião ou preconceito mesmo.
avatar
Roberto 100 em 01 de julho de 2015 às 19:47:21»
Paulatinamente redes sociais como Facebook estão exercendo cada vez mais influências sobre "pensar" dos individuos. Não existe mais o raciocinar por conta própria, só existe agora o modismo, às opiniões compartilhadas, que se quer passam por um crivo.
Acredito que o Facebook não é um lugar pra se pensar, pra debater opiniões, lugar de expôr um posicionamento à rédea solta, porque se você assim proceder, defendendo um ponto de vista diferente dos demais - mesmo que seja um pouquinho só como por exemplo não colocar um arco íris na foto do perfil - você se torna um demônio que merece ser expurgado. Por isso, nesses últimos dias preferi abster-me de comentar qualquer coisa no facebook, pra não ser rotulado de homofóbico ou preconceituoso e também pra não disseminar inimizades.
George Fox em 30 de junho de 2015 às 19:20:49»
O buraco é muito mais em baixo. O Facebook já fez isso recentemente duas vezes com os dados dos internautas para saber como entregar (leia se vender) publicidade com mais eficiência. Evidentemente que as cabecinhas ocas gostam de curtir qualquer porcaria e promover o ativismo sem tirar a bunda da cadeira, e qualquer coisa indicada de forma repetitiva e massante pelo Facebook vai se tornar 'coisa do bem' para os antenados.

Isso é muito perigoso devido a que Zuckerberg é um conhecido cafajeste e o Facebook é uma empresa que visa lucro. Se o Aécio pagar mais do que a Dilma ou vice versa o Facebook vai ajustar o seu algoritmo para favorecer um ou outro. Mesmo que exista um acordo entre o TSE e as grandes da internet proibindo a propaganda política paga eu duvido que o FB cumpra com o acordo. Na verdade o FB está querendo criar uma nova internet dentro de sua plataforma e se alguém não colocar um freio ele vai conseguir.
Matheus em 30 de junho de 2015 às 18:10:26»
Para os modinhas das fotinhas coloridas, existe uma resolução aprovada pelo CNJ sobre casamento entre pessoas do mesmo sexo desde 2011. De nada!
Bebita em 30 de junho de 2015 às 18:03:36»
Não é preciso ir muito longe, muita gente reclama que não consegue postar conteúdo contrário a Dilma e todos sabem o porquê né?
L!$@ em 30 de junho de 2015 às 16:37:11»
Enfim, sendo ou não experimento, se for para o bem, para pregar paz e amor e mais tolerância entre os seres humanos, como este em questão, quero que faça mais vezes! Engraçado, teorias de conspirações mais plausíveis pessoas não acreditam, acham loucura, mas o facebook colocar um arco-íris simplesmente para mudar a cor da foto perfil é por outros motivos, acharam algo por trás, justamente por se tratar da comunidade LGBT... Faça-me o favor né? Me poupe!