Faça o seu comentário

:

:







Comentários

Paula Buzinaro em 27 de novembro de 2014 às 01:15:01»
nossa,muito bom esse texto biggrin
avatar
Politico Honesto em 21 de agosto de 2011 às 02:38:25»
"o essencial da história é que haviam lhe ENSINADO A PENSAR."

Algo que mal acontece, nos dias de hoje. Lamentável.
Delamar em 20 de março de 2009 às 17:45:56»
Pelo que se lê nos comentários, chega-se a uma conclusão bem rapidinho...Seja ou não verídica a história, a constatação é evidente: As nossas escolas não estão ensinando os alunos a pensar, a ler e muito menos a escrever, o que precisa ser revisto urgentemente, pelo bem do NOSSO PAÍS. É uma pena.
Kaelly_xD em 27 de fevereiro de 2009 às 17:07:43»
amei o texto tenho 13 anos e naum sou muito de ler mais esse texto ehh 10 ehh isso q falta na maioria das vezes pensar.
Severino em 21 de novembro de 2007 às 14:35:40»
EU SÔ CABRA HOMI ma
José Horta em 23 de setembro de 2007 às 17:12:38»
Não emporta se foi Niels Bohr ou joaqui.
Realmente o texto e uma grande lição clap
RODRIGO em 12 de março de 2007 às 11:34:57»
CARO FREDSON....
VC TEM 18 ANOS E É UMA MULA!!!
PELO AMOR DE DEUS... ANTES DE PENSAR APRENDA A ESCREVER!!
POR FAVOR

ESATAMENTE... PENÇAR???? (PUTA QUE PARIU)
VC JÁ OUVIU FALAR EM DICIONÁRIO...O PAI DOS BURROS???
nathyele em 25 de maio de 2006 às 15:43:09»
muito bom,otimo,sem comentarios biggrin
FREDSON em 31 de janeiro de 2006 às 12:40:26»
CARA DIVINO...EU TENHO 18 ANOS E ACHO Q É ESATAMENTE O Q FALTA NAS ESCOLAS... ENSINAR A PENÇAR E Ñ DIZER O TEMPO TODO COMO DEVE SER FEITO...
Rodrigo em 21 de janeiro de 2006 às 01:08:15»
O fato que pensar as vezes ajuda e muito!
Marcio Santos em 26 de dezembro de 2005 às 16:16:03»
Adcionei seu texto lá no meu blog, logicamente dando-lhe os devidos créditos.
Muito bom mesmo.
cool
Andy Kaufman em 21 de dezembro de 2005 às 14:56:07»
Realmente,não foi Bohr,isso é só uma adaptação da história.
mathx em 21 de dezembro de 2005 às 08:28:42»
Vixi, eu já devo ter lido umas 3 ou 4 versões desse texto. Em um é um estudante da USP, em outro é da Unicamp, já li uma versão em inglês...

Velhinho velhinho hehehehe smile
Rico em 20 de dezembro de 2005 às 07:29:32»
Assim como não podem provar a veracidade do fato, não há como provar o contrário. Surpreende ver um comentário, embasado em pseudo-conhecimento, com interpretação de texto errônea. É lógico que nunca existiu um Severino na vida do Físico, trata-se de uma licença cômica para dar mais graça ao texto. Tsc ... tsc ... tsc
Estão de parabéns os editores do site por promoverem a leitura.
Marco Gomes em 19 de dezembro de 2005 às 21:45:00»
Essa estória é mentira, os métodos apresentados são realmente válidos mas a história é uma fábula, Bohr nunca tentou medir a altura de um prédio com um barômetro... Muito menos um prédio cujo zelador se chamasse "SEVERINO"... Tsc.
Carlos em 16 de dezembro de 2005 às 16:57:40»
Belo texto e com uma mensagem importantíssima. Parabéns pela escolha, que faz com que este site seja visitado cada vez mais, pela criatividade e entretenimento.
Marieliza em 16 de dezembro de 2005 às 16:13:21»
issu foi a coisa mais interessante q li nos
ultimos tempos
eh impressionante
nun sei oq acontecera no mundo mas
sei
q issu
pode mudar a muitas pessoas
surprised
Michel Lima em 16 de dezembro de 2005 às 12:48:46»
Excelente..
Otima estoria..
Vou seguir o conselho proposto aqui..
Hehhehe!
Nao sou muito de ler tambem..
Um abraço!
Joyce stephanie em 16 de dezembro de 2005 às 10:44:24»
NOssa , adorei...
Eu nõ leio..
e tenho uma enorme capacidade de raciocínio.. imagine se eu começo a me dedicar aos livros ????
shadi em 16 de dezembro de 2005 às 10:00:04»
Realmente o cara do texto é um genio , porém nao foi Niels Bohr ... outros marcos iguais , mostram outros nomes ... por isso , nao posso afirmar que foi Niels Bohr.
mara.heart em 16 de dezembro de 2005 às 09:32:27»
Magnifico...
Legal mesmo..esse cara é um genio...
Helenaldo em 16 de dezembro de 2005 às 09:05:19»
Simplesmente d+, o cara aí sabe pensar, é incrível como as escolas de hoje em dia naum nos ensina a pensar... bom exemplo este... vamos ler mais pessoal... exercita a mente e enrriquece o vocabulário, entre outras inúmeras vantagens cool