Faça o seu comentário

:

:







Comentários

Comprador da Pulseira em 09 de fevereiro de 2011 às 12:58:13»
Eu comprei OoOooOoO
avatar
Nerd guy em 11 de janeiro de 2011 às 11:23:43»
A empresa diz que não pode provar (e nunca poderá) cientificamente que a pulseirinha dê poderes ao seu portador. No entanto o sucesso de vendas desta peça de plástico se deve a propaganda mentirosa embasada na falácia da fisica quântica de que é possível ter equilíbrio, força e disposição usando a pulseira de plástico. Ou seja, admitiu que é uma fraude e que mentiu para conquistar a confiança de ignorantes.

Os mais imbecis, chateados por terem sido enganados e por estarem pagando um grande mico, agora fazem discursos defendendo a modinha e evidenciando o quanto são fúteis e burros. Pagar mais por um dispositivo eletrônico ou ser um Apple fã boy ainda tem uma desculpa já que os gadgets têm valor e tecnologia agregados, pagar 150 vezez mais por um pedaço de plástico só por crença ou placebo é burrice, não tem desculpa. Só um idiota se porta desta maneira.
Marlos em 11 de janeiro de 2011 às 09:46:27»
JocaTi... tive um pouco de trabalho pra escrever o texto abaixo pra não ser tendencioso e não ser mal interpretado, acho que falhei... vou tentar falar de uma forma mais simples:
A ausência ou presença de provas a respeito do funcionamento da pulseira pouco importa! Ela está sendo comprada por pessoas que querem 'estar na moda'... o objetivo de quem compra não é ter equilíbrio, é para ser 'cool'.
Eu também compro coisas nessa forma de comportamento massivo como livros... poderia até me justificar dizendo que tento seguir os eruditos, mas seria uma desculpa pra tietagem da mesma forma.
Mas, quanto mais fazemos isso (comprar o que os OUTROS dizem que é legal), mais parecemos um cardume, logo, marketings como esse da power balance irão funcionar de forma devastadora.
JocaTi em 11 de janeiro de 2011 às 07:53:13»
Eu comprei e continuo usando, inclusive aprendi a levitar e hoje em dia faço parte da liga da justiça kkkkkkk
Temos mais um infeliz comprador da pulseira e que agora não quer admitir que se fudeu kkkkkkkkkk
|
|
V
Marlos em 10 de janeiro de 2011 às 23:21:52»
Quanta hipocrisia hein? Gostaria de deixar minha opinião (só para constar, eu não tenho e não pretendo ter uma pulseira dessas).
Pra começo de conversa, a empresa apenas teve que se retratar sobre prometer algo que não tem prova científica; ela NÃO assumiu que o produto não funciona. Pra mim ela está confiando nos testes particulares de cada um pra continuar vendendo.
Quanto às ingênuas celebridades que não são abertamente publicitárias do produto, eu fico extremamente decepcionado. Não com elas, mas com a quantidade de pessoas que são manipuladas pela opinião desses ícones. Pessoal, comprar a marca de roupa de uma celebridade é como desprezar sua própria identidade... e mais, só eu que percebo que estas tais celebridades são pessoas da pior índole? São corrompíveis como prostitutas, vendem seus princípios, suas vidas, casam inúmeras vezes, muitas vezes se envolvem com drogas... qual o segredo pra que sejam um alvo a ser seguido? Porquê segui-las?
Voltando às pulseiras, eu acredito que a sugestão funciona (e isso já foi provado, segundo vi), então, qual o problema da empresa vender tal "amuleto"? Como um comentário que ví abaixo, a igreja sempre vendeu coisas do mundo espiritual... Bom, antes a igreja vendia perdão dos pecados e muita gente comprava por falta de informação... mas hoje ninguém diz que você vai pro inferno por não usar um holograma mega-plus-quantico-advanced... ninguém te amarra e te obriga a comprar nada nessa vida. Se você compra: ou você acredita ou foi manipulado.
Aí chegamos a um ponto interessante... levante a mão quem aí vai de casa para o trabalho usando pernas de pau?... ou melhor... quantos aí são artistas circences de travessia de corda bamba?
PRA QUÊ uma pessoa compra uma pulseira dessas (sendo ela funcional ou não)? Que eu saiba ela não promete fazer você flutuar ou ter múltiplos orgasmos... Depois da minha infância eu nunca caí por falta de equilíbrio; Sabe o porquê das pessoas comprem a Power Balance? Pelo mesmo motivo que preferimos comer McDonalds, Elma Chps, tomar Coca cola e Black Label... pelo mesmo motivo que sonhamos com um Aston Martin ou um Porshe. Queremos ser aceitos no nosso cardume... e, enquanto acharmos que podemos comprar o topo da pirâmide de Maslow, vamos comprar iPhones, iPads, Mizunos, Pizzas Hut, Kawazakis, Harley Davidson's, Power Balls, Barbies, Ben 10 a preços exorbitantes e vamos achar o máximo...
Por favor, desligue a TV... acorde!
avatar
Cassio em 04 de janeiro de 2011 às 21:16:33»
Parabéns ao acéfalo por detrás do comentário abaixo que ainda não conseguiu entender que neste mundo temos dois tipos de pessoas: as espertas e as imbecis e ele claramente não faz parte do primeiro grupo.

Agora todos sabem que a a pulseira é um fraude graças ao tipo de denúncia feito por este e outros blogs e se ficou nervosinho porque jogou seu dinheiro no lixo, deveria enviar um pedido de ressarcimento à empresa que fabrica a porcaria e não sair por aí na tentando descarregar os males e equilíbrio desta vidinha medíocre, que a pulseira não foi capaz de dar a ele, sobretudo o equilíbrio emocional já que o raciocínio não é o seu forte, aliás, é absurdo constatar o quanto as pessoas tem a necessidade de crer em detrimento de raciocinar.
Luciano Huck e Angélica em 04 de janeiro de 2011 às 19:05:08»
Imbecilidade e futilidade é perder seu tempo publicando notícias só pra cantar de galo e dizer "eiii, olha aqui pra mim, eu estava certo, viu! você foi enganado, eu avisei".
Sério? Então agora mude o mundo, faça as pessoas não comprarem um relógio de 80 mil reais, um sapato de 15 mil, um carro de 4,5 milhões (Pagani Zonda); faça elas não acreditarem também nos crucifixos, nas imagens de santos, nos milagres, na bíblia, no alcorão, no Buda, no pai de santo, na macumbeira. Sinceramente, quem se dá ao trabalho de criticar quem usa a pulseira, provavelmente está abaixo de quem acredita em qualquer uma das coisas acima citadas, e o motivo é simples: essa pessoa não compreende a dinâmica de pensamento dos seres humanos (cada um teve uma criação diferente, crenças, culturas e uns tem dinheiro pra gastar com besteira sem se preocuparem, enquanto outros não), não aceita divergências de seus próprios pensamentos absolutos (pseudo-intelectual), se preocupa com a vida alheia (futilidade) e tem complexo de inferioridade (necessita criar situações para se promover a custa das escolhas que outras pessoas fizeram diferentes das suas).

Toda pessoa que compra uma bíblia, um crucifixo, uma imagem de santo, reza ou leva flores até um túmulo no cemitério é um ignorante então? Concordando ou não com isso, eu respeito a escolha de cada uma dessas pessoas e não faço questão de convencê-las do contrário, muito menos as julgo inferiores.

Esse tipo de discussão tem a mesma relevância do que essa:
- "Viu, eu disse que marrom era a cor da moda nesse verão, eu sabia. Quem usou branco se ferrou." Ou seja, perder seu tempo analisando que tipo de "modinha" é válida, é fraude, é injusta ou seja lá o que for, te coloca abaixo das pessoas que apenas usam e fazem o que querem, não ligando para o que os outros pensam a respeito - o que importa é o que você vive, e não o que os outros vivem perto de voce.

Essa pulseira tem o mesmo efeito placebo do que uma mulher colocar uma calcinha de mil reais e um brinco de dois mil e achar que ficou a mulher mais gostosa da festa - eventualmente ela vai conseguir o que quer.
Mas, grande coisa! Isso acontece a muitos e muitos anos e ninguém dá bola, até que um espertinho resolve anunciar: cara, sou foda, eu já sabia desde o início que a Power Balance é apenas uma pulseira de borracha com um holograma e serve apenas como um acessório de estilo, igual aquelas antigas pulseiras da Nike. Agora posso rir da cara dos que compraram, já que eu não tenho 100 reais pra gastar com besteira, tenho que encontrar motivos pra criticar quem tem, assim me sinto um pouco menos inferior e aceito melhor as escolhas que fiz na minha alegre vida.

Alguém lembra daquele aplicativo do iPhone que custava mil dólares e não fazia nada e mesmo assim vendeu centenas de cópias? Pois é, vai perder seu tempo criticando o que os outros fazem com o dinheiro deles? Ao invés disso, deveria estar se preocupando com o que o governo faz com o SEU dinheiro, o quanto vc investe no seu filho e o quanto gasta bebendo cerveja no bar.
avatar
Sentinela em 02 de janeiro de 2011 às 15:08:08»
Eu também acho bonitinha. Parece aquelas pulserinhas contra o preconceito que foram moda uns anos atrás. Mas eu não uso, fica muito mal ajambrado em mim.
avatar
Sentinela em 02 de janeiro de 2011 às 15:03:25»
Ah, eu acho que é que nem amuleto, funciona se você acreditar.
"Não acredito em bruxas, mas que existem, existem." , e esses tipos de coisa...
avatar
Luiz Felipe em 29 de dezembro de 2010 às 23:19:54»
Subestimei o poder da autoenganação. Isso mais o efeito placebo é incrivel.
Placebo em 29 de dezembro de 2010 às 21:02:52»
Efeito placebo não faz magica, ele utiliza o poder da sugestão, você nunca vai curar ninguém de nenhuma doença usando placebo, mas voce pode diminuir a percepção de dor, etc.
No caso dessa pulseira, o efeito placebo é fazer com que você acredite que ela funciona e que está fazendo as coisas melhor, mas de fato não está, ela não te da nenhum ganho em performance nem como placebo.
avatar
Luiz Felipe em 29 de dezembro de 2010 às 00:59:52»
Eu acredito em uma coisa: Efeito Placebo, pode fazer farinha funcionar como remedio em até 30% de eficacia, por incrivel que pareça, essa é a forma normal da mente humana sobre o proprio corpo. não duvido que essa porcaria funcione, mas não existe magia alguma, é simples placebo.
Sidnei em 28 de dezembro de 2010 às 23:20:26»
Power Balance wristbands
In our advertising we stated that Power Balance wristbands improved your strength, balance and flexibility.

We admit that there is no credible scientific evidence that supports our claims and therefore we engaged in misleading conduct in breach of s52 of the Trade Practices Act 1974.

If you feel you have been misled by our promotions, we wish to unreservedly apologise and offer a full refund.

To obtain a refund please visit our website http://www.powerbalance.com.au or contact us toll-free on 1800 733 436

This offer will be available until 30th June 2011. To be eligible for a refund, together with return postage, you will need to return a genuine Power Balance product along with proof of purchase (including credit card records, store barcodes and receipts) from an authorised reseller in Australia.

This Corrective Notice has been paid for by Power Balance Australia Pty Ltd and placed pursuant to an undertaking to the Australian Competition and Consumer Commission given under section 87B of the Trade Practices Act, 1974.
avatar
Redação em 28 de dezembro de 2010 às 19:54:36»
O artigo já aponta que anteriormente aparecia um link para o site australiano que foi tirado as pressas devido a Admissão de Fraude, ademais o site australiano é um subdomínio do site internacional. Não entendeu? Vou explicar:

Site internacional: http://www.powerbalance.com/
Site canadense: http://www.powerbalance.com/canada/
Site australiano: http://www.powerbalance.com/australia/CA

Não existe a possibilidade de criar um subdomínio falso.

Abraços Fraternos
Vládia Queiroz em 28 de dezembro de 2010 às 19:20:00»
O interessante é que no site internacional da power balance não tem link para a Austrália. Ou seja, tanto esse site australiano pode ser fake como eles podem estar burlando o acesso a essa informação. Se compararmos esse site aos demais o design tem uma diferença logo de cara: um selo junto a logo da empresa. Pode ser que isso tenha sido colocado depois. As propagandas da primeira página também são diferentes, fogem do padrão. No mais o site parece ser igual. Só mesmo procurando algo na justiça australiana para ter certeza que tal liminar obrigou a disponibilidade dessa informação. Agora,comprovada a origem do site e da informação isso precisa ser divulgado urgentemente, para acabar com esse tipo de farsa.
Jack em 28 de dezembro de 2010 às 18:30:32»
nem sei o que falar em quem acredita nessa pulseira... e pior ainda em quem ainda defende com convicção! oO'
ninguém em 28 de dezembro de 2010 às 15:16:36»
Mesmo sabendo que é falso, eu compraria uma dessas, acho "bonitinha".. biggrin
Joao Carvalo de Neto Melo em 28 de dezembro de 2010 às 14:40:01»
A power balance NAO admitiu porcaria nenhuma de fraude.
O autor desse topico pelo menos sabe LER???
ele falou que por NAO ter embasamento cientifico , poderia devolver o dinheiro para aqueles que nao tivessem sentido o efeito.
Eu tenho , eu acredito !!!
Se for placebo nao tem problema FUNCIONA do mesmo jeito
Filisbino em 28 de dezembro de 2010 às 13:25:44»
kkkkkkkkk gente idiota é o que não falta nesse mundo!
paulo cesar em 28 de dezembro de 2010 às 09:33:18»
Querem apostar que alguem vai comentar que esta noticia e fake?
Usar a power balance e uma coleira nao tem diferenca nenhuma, ambas sao somente usadas por animais irracionais smile
Leeloo em 28 de dezembro de 2010 às 09:15:50»
ah gente, claro que não tem base científica masssss pra tanta gente usar E gostar é pq no fundo funciona...o cérebro faz com que a porcaria "funcione".
Quantos milhões de seres que usam o crucifixo no pescoço, no braço, no bolso ou tatuado no corpo e se sentem "protegidos", quantas mulheres já não pintaram pelo menos uma vez na vida o cabelo de loira pra se sentirem mais gostosas, quantas pessoas vão se vestir de branco na virada do ano buscando a magia da "paz"?? hahaha, sem falar naqueles que acreditaram na cura de sua doença quando a dona morte já tava ali do lado dançando frevo XD, vai entender...
keb em 28 de dezembro de 2010 às 07:58:12»
Nosa anos 80, a atriz Regina Duarte ganhou a minha admiração ao ir contra vários colegas de profissão ao dizer que jamais faria um comercial de um produto que não acreditasse ou que pudesse suscitar um engano. Infelizmente esta seriedade e respeito não existem mais.Esperar o que do Rubinho que por si só já é uma fraude?
Luiz Fernando em 28 de dezembro de 2010 às 06:07:09»
Sempre achei, continuo achando, e sempre vou achar que qualquer um que usa, ou defende essas pulseiras são completos retardados.

Só isso. Completos retardados.
Toninho Sá Guimarães em 28 de dezembro de 2010 às 00:47:34»
Que bom que esta lei anti-fraude fosse aplicada no mundo todo. O Vaticano e a interminável fila de pastores evangélicos, com certeza, estariam à mingua.
avatar
El Sharif em 28 de dezembro de 2010 às 00:26:31»
Ah, e agora que se anúncia?
Aqui no Chile já havia passado uma reportagem sobre essa porcaria de pulseira. Disseram que um laboratório español havia feito um montão de testes e descubriram que era tudo mentira, dai a empresa foi multada em $$milhões de euros$$. Se lascaram e achei foi pouco
Logo, para terminar a bagunça, foram às ruas a inventar um monte de objetos placebos, e o pior é que a maioria das pessoas cairam fool
avatar
Banana Pancakes em 27 de dezembro de 2010 às 23:28:25»
Me impressiona que ainda existe gente frustrada porque gastou 100 reais num pedaço de plástico e agora não quer admitir que são trouxas, e me irrita que ainda tem pseudo-intelectuais que "eram céticos mas agora comprovaram que funciona", mas nunca ouviram falar do efeito placebo. PQP, o Brasil vai longe mesmo... mad
avatar
Michel Sanderson em 27 de dezembro de 2010 às 23:06:52»
Bela porcaria esse pulseira...
Caio em 27 de dezembro de 2010 às 21:42:27»
Eu ainda não entendo por que o cara que faz propaganda desse tipo de coisa, emprestando sua "credibilidade" ao produto, não é enquadrado por estelionato. Lembram do Antônio Fagundes fazendo propaganda do "Boi Gordo"? Muita gente incauta adquire por que acredita no "artista". Quando a casa cai, só quem saiu ganhando foi cara da propaganda...
avatar
LukeSchimmel em 27 de dezembro de 2010 às 20:58:19»
Tem gente que acredita
marco em 27 de dezembro de 2010 às 20:20:20»
tem que ser meio inocente pra acreditar nessas coisas
comprar pq todo mundo tem até que vai, ja que a maioria gosta de seguir o resto do mundo, mas acreditar mesmo nessas coisas é o mesmo que acreditar no et bilu
avatar
Kingratos em 27 de dezembro de 2010 às 19:48:09»
eu vejo um monte de gente com essa pulseira..
eu comprei uma pulseira de prata muito melhor a prata valoriza meus bracos fortes!
Débora em 27 de dezembro de 2010 às 19:44:58»
Eric, meu querido, basta você entrar no site da Power Balance Autralia que a notificação está lá, pra quem quiser ver.
Débora em 27 de dezembro de 2010 às 19:39:49»
Trabalho em um hotel 5 estrelas muito famoso de São Paulo e digo que os mais endinheirados usam essa pulseira como se fosse a solução de todos os seus problemas e tem coragem de pagar uma bela bagatela de quase R$ 200,00 em algo que não deve ter nem R$ 0,30 de mão de obra.
O que mais me impressiona é que existem pessoas com poder aquisitivo bem menor que TAMBÉM gasta um dinheirão nessa porcaria que, no fundo todo mundo sabe, não serve pra bosta nenhuma, nem pra enfeitar, porque é horrível.

Quando eu falava isso para as pessoas que a usam ninguém acreditava e até ria da minha cara... Só ignorantes não admitem o quão enganador isso é. Simplesmente não passa de um placebo.
Genivaldo em 27 de dezembro de 2010 às 19:03:14»
O simples fato de que uma pessoa possa ponderar a eficácia desta fraude burlesca já lhe confere o adjetivo de imbecil. O fato é que a pulseirinha se tornou um adorno de pessoas estúpidas, marca registrada de gente que tem dificuldade para raciocinar, que tem mais é que se ferrar.

Eric, a notícia a qual se refere está no próprio site da power balance, lá ela admite que sua propaganda é enganosa e que levou bobos como você a comprar.

A imaginação desta gente não tem limite.
Dhil em 27 de dezembro de 2010 às 18:23:03»
Não estou defendendo a powerbalance mas...

...os testes que os vendedores usam para comprovar a 'eficácia' da pulseira realmente funcionam, como o de ficar em um pé só com os braços em T e empurrar o braço pra baixo pra fazer o corpo pender, entre outros vários q realmente funcionam ao vivo e na hora, fazendo q o possível comprador cético se surpreenda e compre.

Eu testei (fazendo os testes dos vendedores) pessoalmente e funcionou apesar do meu ceticismo (não comprei! n tenho o por quê...). Daí eu apelei e testei em coisas extremas, coisas que naturalmente não faço como andar em corda bamba (slack wire), andar em perna de pau e sky-jumper (akelas pernas de pau com amortecedor, 'perna-de-canguru'...). Essas últimas eu achei que ia conseguir fazer sem maiores dificuldades, mas foi um desastre do mesmo jeito! mrgreen '

Eu até usei a pulseira durante um treino de kung fu, só pra ver se eu pulava mais alto, ou chutava mais fácil, ou ficava com mais folêgo na luta. Até q rendeu um pouco mais no dia, mas é claro há inúmeras variáveis aí, eu poderia ter comido um pouco melhor, minhas articulações poderiam estar menos contundidas, meu parceiro poderia ter pego mais leve e etc.

O que eu concluí é que se te dão algo que faz pensar q vc vai melhorar nas coisas, é bem provável q vc melhore (nem q seja quase nada...), mas só nas coisas q vc já sabe fazer, é claro.
Não adiantar dar um negócio desse pro cara e pedir p ele fazer um triplo twist carpado invertido, obviamente.

É oq dizem sobre o cérebro humano. Só é usado apenas 10% da capacidade total normalmente. Então quando é dado um estimulo extra (uma situação de perigo ou uma inspiração ou sonhando ou uma 'pulseira'), o cérebro trabalha um pouco mais.
avatar
guizul em 27 de dezembro de 2010 às 17:29:26»
É por isso que o Rubinho é uma merd4 e o Luciano é fanho biggrin

"placebo em forma de plástico" perfeito! wink
eric em 27 de dezembro de 2010 às 17:24:49»
E quem é que pode afirmar que essa "notícia" não é uma FRAUDE??? Na internet divulga-se qq merda, sem precisar assinar e aasumir qq coisa.
avatar
Ester em 27 de dezembro de 2010 às 17:20:21»
eu nunca acreditei nessa pulseira
avatar
erikwf em 27 de dezembro de 2010 às 16:50:28»
Sempre soube que era fraude, esse papo de energia, equilíbrio, etc...na década de 70 e início de 80 inventaram uma tal de Sabona, uma pulseira de cobre que segundo os ricos vendedores (ricos porque vendeu mais que água) era como condutor de energia (aterramento) do stress, eletricidade do corpo, blá, blá, blá...como sempre nada se cria tudo se copia, é claro nos moldes da nova geração. rolleyes
avatar
Moonwalker em 27 de dezembro de 2010 às 15:42:15»
Estou tentando, nana pê éfe ésse vinte e dois zero oito... Estou com menos dores, mas estou com algumas coisas chatas ainda...
avatar
Nana em 27 de dezembro de 2010 às 15:26:14»
EEE Moon vc tah melhor!!!
kennedyleandro em 27 de dezembro de 2010 às 15:15:37»
E eu que tinha colocado uma no braço da minha filha pra ela não cair...
avatar
Moonwalker em 27 de dezembro de 2010 às 14:36:22»
Hehe, Luisão, acho que você tem uma frustração pessoal com essa pulseira... sempre fala dela... cool
Mas não deixa de estar certo. De coisas que as pessoas compram e não servem para nada, já basta o cigarro...
avatar
Luiz Fernando Galiza em 27 de dezembro de 2010 às 14:30:35»
Como eu tiro esta porcaria do meu braço???? ma ma ma ma
avatar
Astronomer em 27 de dezembro de 2010 às 14:24:58»
aff