Faça o seu comentário

:

:







Comentários

zé rosquinha em 21 de novembro de 2014 às 17:09:28»
Agora sei o que esse cara fez.
avatar
Moonwalker em 16 de julho de 2013 às 11:43:57»
A votação está bem equilibrada...
A espionagem é um mal necessário, e é feita por todos os países, seja de forma eficiente, eficaz, arbitrária, exagerada ou não.
Por que é necessária? Porque os meios humanos em geral, especialmente os governos, não são confiáveis. É preciso saber o que o outro está pensando para se proteger. Claro que em minha utopia pessoal a espionagem seria errada e desnecessária.
Nesse caso, respondi que não delataria espionagem, no sentido de país para país. Não gostaria de ser perseguido pelo país onde sou "patriado".
Agora, se a espionagem colocasse em risco a minha liberdade pessoal de alguma forma (espionagem de país para pessoa), talvez eu delatasse. Talvez.
Raven em 15 de julho de 2013 às 16:45:02»
Como brasileira, eu faria pois saberia que no final não daria em nada, mas se eu fosse americana... NUNCA
Coisa de louco mesmo, ou o cara é louco ou é o homem mais corajoso do planeta.
avatar
cacafilho em 15 de julho de 2013 às 16:34:43»
mta coisa em risco... teria q pensar mto antes de delatar algo! =S
EspiaonagemComercial em 15 de julho de 2013 às 11:29:48»
Ahh té explicado... é só vigilância contra terrorismo...?no Brasil...? Vá procurar ninho de avião!!! Essa bagaça é ESPIONAGEM COMERCIAL!!! Os EUA querem manipular a economia da União Européia e BRIC'S, está de olho também no petróleo de países como Venezuela. Não é interessentes para eles concorrentes nos setores comercial, cientifíco e militar.
cafa em 14 de julho de 2013 às 16:29:41»
ei jesus cristo o melhor que vc faz é deixar o pai de lado e foge pra morrer em paz
Spy em 14 de julho de 2013 às 14:16:53»
Podem monitorar minhas conversas e mensagens á vontade. Só espero que me paguem direitos autorais por utilizar minhas falas em filmes porno. Disso não abro mão.
avatar
Brazuka em 14 de julho de 2013 às 11:00:13»
‘‘O MONITORAMENTO É NECESSÁRIO. ATÉ POUCO TEMPO ATRÁS, O MAIOR PROBLEMA ERA A GUERRA; HOJE É O CRIME ORGANIZADO, CADA VEZ MAIS SOFISTICADO''
PAULO LACERDA, DIRETOR-GERAL DA PF

O Guardião, na verdade, é o primogênito de uma família de 28 irmãos, espalhados pelas superintendências da PF nos Estados. Ao todo, a PF monitora neste momento cerca de cinco mil pessoas em todo o Brasil. Há outros 60 seres desses em posse das polícias estaduais, que estão agora grampeando cerca de 15 mil pessoas. Ou seja, as polícias estão realizando hoje cerca de 20 mil escutas. Se cada um dos monitorados falar com dez pessoas ao longo de uma semana, significa que 200 mil brasileiros tiveram suas conversas gravadas pela polícia. É de espantar.
Fonte: Isto É.com.br
http://www.istoe.com.br/reportagens/8109_POR+DENTRO+DO+GRAMPO
avatar
Brazuka em 14 de julho de 2013 às 10:36:14»
A CIA mordeu a ponta do seu rabo com o delatorzinho aí! lol

"O feitiço voltou-se contra o feiticeito!"

Aqui no Brasil, quem faz um trabalho semelhante ao Projeto PRISM, é o - "Sistema Guardião", "que realiza monitoração de voz e dados e oferece recursos avançados de análise de áudio e identificação de locutores. É uma solução feita especialmente para as operações de investigação legal. Flexível e modular, pode ser dimensionada de acordo com a necessidade do órgão de investigação. Sua interface é 100% web, permitindo ao analista acessar o sistema de qualquer lugar, de forma segura" -.

http://www.digitro.com/pt/index.php/component/content/article/89Itemid=1

No exato momento, qualquer brasileiro pode estar sendo monitorado e por isto melhor ficar de olho no que está acontecendo ao seu redor, no que vai dizer, aonde e quando, pois estamos caminhando a cada dia para tempos em que a palavra "intimidade", virou coisa do passado pois será língua morta nos nossos dicionários.

O TRABALHO DE INTELIGENCIA É LINDO E TEM QUE SER FEITO ASSIM MESMO E QUEM NÃO DEVE, NADA TEME! clap clap clap
Esther Leminski em 14 de julho de 2013 às 09:54:51»
Não se trata de invasão de privacidade e sim de sistema de defesa contra o terrorismo.
A maioria dos cidadãos americanos já se pronunciou a favor dessa vigilância.
Eu me lembro que quando começamos (aqui no Brasil) a instalar câmeras nos estabelecimentos e nas ruas houve protestos de pessoas que achavam absurdo, porque teriam sua privacidade invadida... Ridículo isso.
Esse delator, certamente, tem um plano particular a respeito do que fez. E é patético ele ficar ameaçando "tenho mais a revelar..."
Nessa história toda,eu só estranho o Departamento de Defesa ter permitido que pessoa tão desqualificada (e ainda terceirizada) tivesse acesso a dados dessa natureza. Ele está se revelando um terrorista (meia boca)...
avatar
Haiduqque em 13 de julho de 2013 às 23:52:59»
Votei no "SIM", porque...
o que é um "país"?
O que é um país atualmente?
Os países são, no tempo presente e, pelo menos, durante os próximas décadas, organizações mascaradas de "Estado" que se dedicam à gestão das migalhas que sobram da exploração de recursos internos e externos por empresas sem a noção de "pátria". Quase todos os seus políticos se vendem e vendem o seu país a quem dá mais, seja qual for o comprador, e o "povo", ingénuo, espera que o "povo" seja sempre patriota ao ponto de defender o seu país em qualquer situação, por vezes com o custo da própria vida.
No entanto, acredito que a grande maioria dos cidadãos de um "país", se tivesse a possibilidade, o venderia por um bom preço. O preço é que varia.
Ulisses Sampaio em 13 de julho de 2013 às 19:53:41»
Uma coisa, e que pese. Foi o serviço de espionagem que descobriu o planejamento de um atentado pior do que foi o da maratona. Engendrado por garotos. 25 kg de explosivo plastico com esferas de 1/2 polegada no meio de uma multidão.

Agora me conta. Vale á pena ou não?
avatar
Firelow em 13 de julho de 2013 às 13:20:53»
KaiserThel - Bom ponto wink
avatar
KaiserThel em 13 de julho de 2013 às 12:31:13»
Po denunciaria tudo, nem me importava em morrer depois... Eles ja iam estar na merda mesmo! KKKK
MALINHA em 13 de julho de 2013 às 11:32:22»
Essa questão é muito difícil, o Brasil é um país muito ético, aqui seus governantes SÓ ensinam a seriedade e os bons princípios.

SE O MDIG PERGUNTASSE SE ERA PARA VENDER A MÃE, TODOS CONCORDARIAM. RSRSRSR
avatar
Layla em 13 de julho de 2013 às 10:58:26»
Delataria. Não acho certo ficarem espionando as pessoas.
avatar
Roberto 100 em 13 de julho de 2013 às 10:36:15»
Não vou ser hipócrita a ponto de dizer que revelaria pois sei dos danos que isso poderia causar, principalmente a minha pessoa. Todos sabem que isso acontece, fora a teoria de conspiração os EUA são um dos maiores espiões globais. Mas pelo que eu conheço a amada terra Brasil acho que não valeria muito apena delatar não. fool
mundomelhor em 13 de julho de 2013 às 09:10:09»
Ética, dignidade, honestidade, honra não obedeçem fronteiras são características de cada indivíduo, são princípios fundadores do caráter.
avatar
Dominique em 13 de julho de 2013 às 09:01:52»
Acredito que não delataria, pois ficaria receosa quanto a meu futuro, em termos financeiros/ profissional.
avatar
Angelina em 12 de julho de 2013 às 23:23:15»
Ouvi falarem em ética. Eles nem devem estar pensando em ''ética'' quando se fala em espionagem.
avatar
LukeSchimmel em 12 de julho de 2013 às 22:33:29»
Espionagem é uma coisa baixa.
AChein em 12 de julho de 2013 às 22:06:36»
inocente(?) inútil. outro assange da vida que provoca uma barulheira danada e o mundo continua a girar. mas como diz o velho ditado que de grão em grão a galinha enche o papo, de assange em snowden vai se solapando as estruturas do grande império. o maior programa de espionagem do mundo continua nas mãos das grandes corporações (gg, ms, fb etc), sem pátria e a serviço único do vil metal. mas, voltando à pergunta: não, é muita safadeza. pede o boné e vai gritar às portas do congresso.

quem deverá ter financiado a patifaria?
avatar
Firelow em 12 de julho de 2013 às 20:36:01»
ah, então é tô com você fool
avatar
Politico Honesto em 12 de julho de 2013 às 20:27:46»
De qualquer forma, teve sorte de ainda não ter sido "deletado".
avatar
revolt4d4 em 12 de julho de 2013 às 20:20:05»
Não é deletaria (apagar), é delAtaria (dedurar, denunciar).
avatar
Firelow em 12 de julho de 2013 às 19:19:31»
Eu acho que eu iria deletar metade dos dados.
milton dutra em 12 de julho de 2013 às 19:15:23»
Tem que ser muito corajoso, e ou ter algum projeto futuro relacionado a este ato quase que suicida. Sem saber o que se passa na cabeça do Snowden não dá nem pra imaginar o motivo que o conduziu a fazer isto.
avatar
Firelow em 12 de julho de 2013 às 19:13:24»
se reuniu-se? haha

Baseei minha resposta nesses dois motivos: Primeiro é que eu acho que isso é útil no caso de haver mensagens de terrorismo por aí, com planejamentos e tal. O segundo é que por mais que eles não pretendessem invadir a privacidade de nenhum cidadão, os dados poderiam eventualmente ser roubados e usados de forma errada por alguém. Conclusão: Eu não faço ideia do que eu faria com eles.

Revolt4d4, tem deletaria no título do post, "denunciaria" é só na pergunta final.
avatar
revolt4d4 em 12 de julho de 2013 às 17:31:18»
Eu li "deletaria" --'
avatar
Politico Honesto em 12 de julho de 2013 às 17:19:01»
Mexer com os EUA continua não sendo uma boa ideia.