Faça o seu comentário

:

:







Comentários

Página 1 de 3 (110 comentários)
« Ant. | Primeira | 1 | 2 | 3 | | Última | Prox. »

Gilberto em 15 de maio de 2017 às 19:47:49»
Se o desterro fosse válido ainda hoje para quem peida em público, tem gente que iria viver desterrado.
maria clara em 04 de abril de 2017 às 15:33:31»
nao gostei porque a letra e muito piquena
Boneca em 08 de março de 2017 às 21:10:56»
Os cinemas hollywoodianos passam uma IMAGEM FANTASIOSA E FALSA dos filmes! Deveriam mudar a perspectiva e mostrar a vida como realmente era concordam comigo?
Kadu-Ce em 08 de março de 2017 às 15:07:09»
Parece que tem um mouro latindo ai!
Antonio Alberto em 08 de março de 2017 às 08:26:35»
Kadu..porque não vais levar no c...Aqui no Brasil, tem lugares que ainda se vive pior que nessa época Medieval..sem higiene e sem condições para a ter..o teu caso que só deves tomar banho na altura das enchentes..ou no Rio Tietê..até aqui no computador dá para sentir o mau cheiro da tua boca de falares tanta merda!!!!!!

Porco, é quem te fez essa cabeça Gorda!!
Kadu-Ce em 07 de março de 2017 às 13:49:17»
Não é de hoje que os europeus são porcos e passam longe de um pouco de água.
Laercio em 07 de março de 2017 às 13:31:19»
Ótimo artigo apesar de alguns exageros como o desterro por causa do peidinho Huhauhauhauhau!
GeraldoLuano em 07 de março de 2017 às 13:06:39»
ARTIGO FALSO!

Olha aqui um trecho retirado do livreto que o próprio autor do post indica como fonte:

"En las ciudades medievales, los hombres se bañaban
con asiduidad y hacían sus necesidades en las letrinas
públicas (vestigios de la época romana), o en el orinal, otro invento romano de uso privado; y las mujeres se bañaban y perfumaban, se arreglaban el cabello y frecuentaban las lavanderías."

Traduzindo:

Nas cidades medievais, os homens se banhavam com assiduidade e faziam suas necessidades nas latrinas públicas (vestígios da época romana), ou no urinol, outro invento romando de uso privado; e as mulheres se banhavam e perfumavam, arrumavam o cabelo e frequentavam lavanderias."

PORTANTO, DE ONDE O ILUSTRE AUTOR DO POST INVENTOU QUE A SUJEIRA ERA NA IDADE MÉDIA? SERÁ QUE O AUTOR DO POST É MAIS ALGUM PASTOR CRENTE QUERENDO DENEGRIR ESSE PERÍODO HISTÓRICO?
GeraldoLuano em 07 de março de 2017 às 12:56:02»
ERRARAM FEIO!!
Quem escreveu o artigo não entende bem de História. O texto que você usaram como fonte - um folhetim governamental - é tão pouco confiável que conta como 'exemplo' um fato narrado por Goethe, que nem medieval era (morreu em 1832)!!
A maioria dos casos contados acima - muito exagerados e pouco prováveis - aconteceu entre os séculos XV e XVIII, ou seja, já na Era Moderna! A Idade Média durou do século VII até o século XIV. Portanto, nenhum desses casos que vocês narram aí são da Idade Média. Voltem para a escola! Ou melhor, vão ler mais (voltar para a escola não vai adiantar nada).
Eduardo Ray em 07 de março de 2017 às 11:20:59»
Vocês realmente acreditam que uma mulher só se lavava duas vezes por ano? Larguem de ser trouxas, esse artigo é pura mentira do começo ao fim. Gostam de inventar esse tipo de trollagem sobre a idade média só porque foi uma época influenciada pela . No entanto, não tem nenhum embasamento histórico. Grande LIXO de artigo.
adriano de moraes em 07 de março de 2017 às 08:22:58»
Tudo é verdade mas tem um grande porém.
Isso tudo ocorria principalmente na Europa, na América central existia os Incas e os Maias que ja a milênios utilizavam água para diversos fins, como por exemplo para a limpeza de seus banheiros, sem banheiros.
Estes povos eram muito mais evoluidos em vários quesitos que os europeus e muitas destas tecnologias foram levadas para europa pelos espanhois.
Além destes também devemos citar a China onde por exemplo a medicina estava a séculos na frente.
rlocatelli em 06 de março de 2017 às 16:03:20»
Como foi dito nos comentários:
1) as fotos não têm nada a ver com o tema. A maioria é da Renascença.
2) até há pouco tempo, os hotéis de Paris tinham apenas um chuveiro por andar, no fim do corredor. Com a afluência de turistas latinoamericanos, tiveram que instalar chuveiros em todos os quartos.
3) os fatos relatados são reais, sim, mas só para a nobreza. Os camponeses tomavam banhos quase todos os dias.
O Vale do Ribeira em 06 de março de 2017 às 10:30:28»
Bem interessante essa história
Carlos Ebert em 06 de março de 2017 às 09:46:29»
Quem pensava em contrário estava desinformado
Francisco Vianna em 05 de março de 2017 às 18:18:08»
A própria existência do turíbulo onde ardia o incenso e a mirra passou a existir para tornar suportável o odor das aglomerações dos serviços religiosos. Essas essências eram tão valorizadas que os reis magos a levaram para o menino Jesus que nascera numa manjedoura, em Bethlem (Belém).

Também eram muitos valorizados os imensos jardins que circulavam os palácios, cuja função era a de usar o odor das flores para disfarçar o fedor dos excrementos humanos que eram atirados pelas janelas todas as manhãs...
Sônia Costa em 05 de março de 2017 às 18:05:15»
Texto bom,no Brasil também não tinha saneamento.Oswaldo Cruz trabalhou muito para as pessoas mudarem os hábitos,apesar da grande rejeição.
Chrystian Ronaldo Silva em 05 de março de 2017 às 09:18:06»
Então, essa é uma realidade parcial, mais restrita a alguns lugares e na Alta Idade Média, na transição para o Renascimento... Muito do que fala a matéria se trata de dados falseados no período do Iluminismo. Sugiro uma pesquisa histórica mais diligente.
André em 04 de março de 2017 às 11:04:43»
Acho que nessa época não existia boquete!
francisco martins em 01 de março de 2017 às 10:22:13»
até hoje europeus nao gostam muito de banho
roberto antonio barbosa em 04 de novembro de 2016 às 12:13:02»
Gilberto Freire, livro Casa Grande & Senzala surprised s nativos brasileiros banhavam-se nos rios até cinco vezes por dia.
JOSIMAR PEREIRA LEITE em 07 de setembro de 2016 às 21:12:06»
ASSIM CAMINHA A HUMANIDADE.
ATOS DESAPROVADOS HOJE PODEM SER CONSIDERADOS MENORES DO QUE A CRIMINALIDADE,A CORRUPÇÃO E A FALTA DE RESPEITO UNS AOS OUTROS.
O COSTUME SE TRANSFORMA COM O TEMPO,MUITOS DOS COSTUMES DÁ ÉPOCA AINDA SE ENCONTRAM INCRUSTADOS NO SER HUMANOS COMO SE NÃO TIVESSEM TOMADO BANHO.
É IMPORTANTE RESGATAR A ORIGINALIDADE HUMANA,ESTA PODE SER A BELEZA RETRATADA NAS PINTURAS ATRAVÉS DAS INSPIRAÇÕES DOS PINTORES DA ÉPOCA, QUEM SABE ESTA SEJA A BELEZA DO SER HUMANO HOJE.
E MUITO BELO O COMPARTILHAMENTO NATURAL DAS PESSOAS VISTAS NAS IMAGENS.
Isabel Vasconcelos em 05 de setembro de 2016 às 15:32:22»
O atirar do lixo e da urina pela janela eram, em Portugal, precedidos do aviso gritado "água vai!". Daí ficou a expresão que usamos quando algém não cumprimenta ou não responde, " aquele nem disse água vai."
Maurum em 04 de setembro de 2016 às 12:24:21»
A política brasileira encontra-se na idade média. kkkk
armando lopes em 30 de agosto de 2016 às 21:03:02»
POR ISSO QUANDO EM MIUDO, OUVIA DIZER AOS ANTIGOS QUE O QUE CHEIRAVA MAL É QUE ERA BOM.
Ligia em 24 de maio de 2016 às 09:52:55»
Tanto luxo e tão "porquinhos"... Vale lembrar que não sabemos definir o que nos é desconhecido e neste caso a higiene era desconhecida então provavelmente o odor da época lhes agradava... o que será que os proximos milenios dirão de nós?!
Luiz Scantbelruy em 13 de maio de 2016 às 11:08:09»
Muito interessante o texto, informativo e de leitura agradável, explicativo acerca de determinados hábito que hoje os repetimos e não nos damos conta.
Gerson em 12 de maio de 2016 às 23:22:56»
Credo. Umavez faltou água em casa e eu já me apavorei porque não tinha como tomar banho. Imagina tomar uma ou duas vezes ao ano. Que por camada dos inferno.
elisabeth em 12 de maio de 2016 às 11:17:44»
Pior que tds esses cheiros é o perfume FLORATTA GOLD do Boticário;;;;; Eitaaaa fedor..
Gian em 11 de maio de 2016 às 09:00:22»
Durante a Copa do Mundo de 2002 a seleção brasileira ficou hospedada em um hotel luxuoso no Japão. Como é de costume brasileiro, 1 ou mais banhos diários, a água do hotel rapidamente acabou. A seleção foi notificada para não gastar tanta água. Pra mim o banho é muito bom!
Eduíno de Mattos em 09 de maio de 2016 às 23:15:15»
os Franceses inventaram o perfume PARA ATRAPALHAR O MAU CHEIRO, isto é realidade.
Guga Azevedo em 07 de maio de 2016 às 16:47:20»
No passado faziam isso tudo é viviam mais. E hoje? A geração que nasceu em 80 vai viver até que idade?
Clara Reges Alvarez em 06 de maio de 2016 às 21:31:50»
Isso que não foi mencionado o período menstrual das mulheres daquela época, já pensaram???
AleRocha em 04 de maio de 2016 às 10:41:46»
Óbvio que inclusive no sul. Não tenho conhecimento q aki por causa do frio não se tome banho todos os dias, dois por sinal! Bem pelo contrário o banho esquenta! E o Brasil msmo sendo colonização européia, graças a Deus tínhamos nossos queridos INDIOS pra deixar-nos essa maravilha de cultura do banho!! Benditos sejam!
Fábio Tiago Mendes em 03 de maio de 2016 às 07:28:31»
O nosso costume de tomar banho diário no Brasil, foi herdado dos costumes indígenas. A relatos de que quando a corte chegou ao Brasil as pessoas não tomavam banho,o próprio rei Dom João VI, teria tomado apenas 2 banhos em toda sua vida. Nas ruas do Rio de Janeiro o esgoto era jogado para fora das casas também, onde a primeira casa com sanemanto básico foi o palacete de Dona Domitila amante de Dom Pedro.
Ronise em 01 de maio de 2016 às 03:07:53»
Genteeeee...isso n e'nada...hoje em dia ainda existe gente assim...moro nos eua ja'tem 16 anos...e qdo cheguei aqui fiquei chocada...muitos americanos n tomam banho todos os dias...acreditem vcs ou nao...VERDADE PURA! E acrescentando, os Europeus (franceses a maioria) sao cridores de perfumes fantasticos por causa do que????
Quem leu " O PERFUME" entende...e e'por isso q qdo o homem europeu chegou ao Brasil e viu aqueles o povo nativo brasileiro (indios) todos saudaveis, sem roupas, limpos e cheirando bem...PIRARAM de vez!
João Victor Da Cruz De Alencar em 29 de março de 2016 às 08:24:41»
Itediante coloque mais fotos em vez de textos
margarida nunes em 16 de março de 2016 às 10:48:12»
Este texto e daora
Thaís em 07 de fevereiro de 2016 às 18:49:49»
Hoje o que consideramos porquice, até então, era tido como natural.
Visto hoje de maneira mais egocêntrica, se tem como inconcebível, mas era a realidade da época. Hahahahaha. Nos dias atuais não existe mais isso, alguns dogmas foram quebrados e a ciência começou a se mostrar mais, enfim, é extremamente curioso e interessante o texto, bem dinâmico. Gostei bastante smile
Levy Cerqueira em 28 de janeiro de 2016 às 14:51:59»
Graças a Deus que vivo em pleno Séc XXI
Darcio em 24 de janeiro de 2016 às 21:58:45»
Acho que não! A idade média é muito "caluniada", eu prefiro acreditar no historiador francês Jacques Le Goff, que morreu esse ano. Ele nega toda essa história de que a idade média é a idade das trevas, das pestes, fanatismo religioso, etc... então eu acho que esse lance de sujeira também é mito.
lili em 13 de outubro de 2015 às 22:00:05»
Softe deles terem encontrado os índios. O que seria da europa sem a América? Podre
proparoxitona em 10 de setembro de 2015 às 10:09:25»
o tempo parou então no vale do anhamgabaù kkkk
Eva Regina em 10 de setembro de 2015 às 03:41:33»
O que irão falar de nossa época no futuro?!?
Como deviam sentir-se sujos nossos antepassados do início do século XXI...
Precisavam tomar de 1 até 4 banhos por dia, gastando de 100 a 200 litros de água em cada banho... até 800 litros de água por pessoa, por dia, só no banho !!!
Inconsequentes, perdulários, imediatistas!!
É por isso que hoje temos a água racionada e somos obrigados a nos limpar com trapos, como faziam na idade média !!
É o que dirão no futuro sem água.
Roselene Zamarchi em 08 de setembro de 2015 às 20:09:43»
Eita gente São Paulo com o rio Tietê!
Que fedor na idade média era limpo.
Sandra Damasceno em 08 de setembro de 2015 às 19:57:13»
Por isso mesmo que houve a incontrolável proliferação de ratos que causou a peste negra que disimou um terço da população europeia na idadr média.
felixferra em 08 de setembro de 2015 às 13:50:12»
Na verdade, pensando cá com meus botões, ancrônico e elementar sou eu. Acadêmico frustrado, adoro dar pitacos pseudo-intelectuais em blogs como esse. Sem fazer juízo de valor, eu, na verdade, sou uma pilha de excrementos medievais. Meus caros, me perdoem, por gentileza.
Valéria em 08 de setembro de 2015 às 13:21:33»
O que será que estamos fazendo de estranho, para os próximos 300 anos?? será que iremos sair em alguma página como esta..
tipo o primeiro meio de contato virtual foi o e-mail depois o Orkut eles se achavam viciados por ficarem apenas 2 horas por dia conectados....
Vany Moreira em 08 de setembro de 2015 às 13:03:37»
Qdo a Carla Camurati exibiu o filme "Carlota Joaquina, a Princesa do Brasil", retratou algumas dessas nojeiras todas da família real portuguesa (e espanhola), e os europeus ficaram chateados com ela. Ora, ela pegou foi leve. Eles eram nojentos mesmo. O rei comia frango e não passava nem uma aguazinha nas mãos. Devia passar nas calças e nas cortinas. Daí acho que os ratos vinham roer. Rsrsrs. Concordo com o artigo.
Caio Borrillo em 07 de setembro de 2015 às 16:38:46»
Confesso que morri de rir com a parte de "despiolhar" o rei e de ter que bater uma pra ele. Gente, não há período para se viver do que o nosso. razz
odete de sousa leite bispo em 07 de setembro de 2015 às 16:13:48»
Graças a deus, que sou deste século, eles eram imundos inconscientes, coitados!
Página 1 de 3 (110 comentários)
« Ant. | Primeira | 1 | 2 | 3 | | Última | Prox. »